Você está já cansado de ter de esperar os ônibus para ir ao trabalho ou até ter um horário específico para fazer viagens a lugares mais longes. Os ônibus vão lotados, é grande o desconforto e você não tem como parar quando quiser para curtir locais e cenários na estrada. Então, decide-se por tirar sua carteira de motorista. Após as aulas de legislação e direção, faz seus testes e consegue finalmente a aprovação. É hora então de conseguir seu meio de transporte. Contudo, nem todos os carros são ideais e certos como primeiro veículo para um iniciante.

Nunca é bom ter como primeiro carro um veículo novo. Por que dizemos isso? Um motorista iniciante está fadado a cometer erros que custarão vida útil de um carro, como uso excessivo dos freios, uso errado da embreagem entre outros erros básicos que podem prejudicar a vida útil de seu veículo. Além disso, um veículo novo perde muito de seu valor ao sair da concessionária, ao passo de que um veículo com um ou mais anos de uso já tem uma perda de valor anual muito menor.

Carros populares normalmente são a escolha de todo motorista de primeira viagem. Veículos com até 10 anos de uso são as melhores opções porque entram nos financiamentos e condições de pagamentos especiais da maior parte dos bancos. Porém, 10 anos em questões de segurança e engenharia de veículos pode ser um longo tempo, dependendo do modelo e do uso que pretende dar ao carro.

Modelos diferentes para diferentes estilos

Dependendo de seu estilo, você tem diferentes opções de veículos. Mas crie um foco em comprar o veículo mais completo possível, mesmo que um pouco mais antigo, pois seu valor é melhor no mercado e sua desvalorização muito baixa. (Foto: dummydrives.blogspot.com)

Se falássemos apenas e valores aqui, do mais barato ao mais caro carro, estaríamos fadados a cometer um erro grave, uma vez que o preço de um veículo não fala diretamente sobre sua qualidade. O valor de um veículo, entretanto, é ditado pelos opcionais que tem, além da utilização que será dada ao mesmo.

Freios ABS, air bags, tipo de câmbio, direção hidráulica, ar condicionado, bancos de couro entre outros opcionais, são elementos que aumentam o valor de seu veículo e o tornam um bem mais durável perante o mercado. Além disso, levamos em conta também a segurança proporcionada por alguns destes itens opcionais, principalmente para aqueles que tem uma família grande.

Portanto, mesmo que o carro seja mais antigo, é melhor ter um carro com mais idade completo do que um novo só com itens básicos. E não ache que não precise deles: você vai querer eles muito mais cedo do que imagina.

Um outro erro de motoristas iniciantes na compra de um carro é querer um motor muito potente. Um motor 1.0 satisfaz a maior parte das necessidades de qualquer motorista, a não ser que você faça muitas viagens em trechos acidentados ou estradas de chão, exigindo um pouco mais do motor. Lembre-se também que quanto maior a potência, maior o consumo também.

Na escolha do veículo, leve em consideração também quantas pessoas normalmente viajam com você. Para mais de 5 pessoas, você deve optar por um veículo maior e possivelmente mais caro. Menos pessoas, você pode optar por um mais compacto. Se faz viagens para terrenos acidentados e precisará carregar muita carga, uma pick-up ou um carro com uma carreta podem ser as opções certas.

Por fim, escolha um mecânico de confiança para dar uma checada final no veículo e ver se está tudo ok, principalmente se ele for usado. Tente escolher um design de carro que te agrade e que irá satisfazer seu estilo de vida. Quanto mais veículos você pesquisar e mais veículos testar, mais fácil ficará para achar o modelo ideal para seu jeito.

Um comentário para “Os melhores carros para iniciantes”

  1. Robson

    Estou para fazer a Banca na Auto Escola, espero que dê tudo certo e eu possa passar.
    Bom sobre o ARTIGO realmente muito bom mesmo, excelentes dicas.
    Parabéns e obrigado.

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)