O Brasil é um dos países onde há maior índice de acidentes com veículos no mundo. Mesmo assim, ainda há pessoas que preferem investir em acessórios e estética do que em itens de segurança automotivos.

De que adianta ter um carro com um super som, rodas maravilhosas e outros, se na hora de um acidente nada disso pode impedir ou amenizar o impacto?

Atualmente, a maioria das montadoras têm oferecido alguns itens de segurança como opcional em carros com preços mais acessíveis. Os mais difundidos são o airbag e os freios ABS.

O airbag é encontrado, na maioria dos veículos nacionais, na versão frontal para condutor e passageiro. Porém, em veículos mais luxuosos, ele também pode ser encontrado nas versões laretal, cortina e para joelhos.

Muitas vidas já foram salvas até hoje graças ao airbag. O item é constituído de praticamente três partes: um sensor, as bolsas infláveis e os componentes químicos que inflam as bolsas.

Para o airbag ter total êxito quando acionado, é necessário que a pessoa também esteja usando o cinto de segurança. E não são todos os casos em que o airbag será acionado.

O acionamento acontece em batidas violentas, nas quais somente o cinto de segurança não seja suficiente. Na maioria dos casos quando há perda total do veículo. O ponto onde ocorre a batida também influencia.

Se o veículo possui somente airbag frontal e sofrer uma batida lateral, esse não vai ser acionado. Depois que os airbags são acionados, não há como reaproveitá-los, é necessária a troca do sistema e outras peças.

ABS

Freios ABS também ajudam a evitar acidentes

Outro item de segurança que está bastante comum nos dias de hoje são os freios ABS. Eles evitam que as rodas sejam bloqueadas durante a frenagem e, consequentemente, que o veículo derrape, perdendo a aderência. Com o ABS, o condutor consegue desviar de um obstáculo durante a frenagem e evitar uma colisão.

Muitas pessoas não sabem mas, os veículos que possuem ABS devem ser freados de forma diferente dos veículos convencionais. Nos veículos com ABS, o pedal de freio deve ser acionado até o fim e mantido durante todo o trajeto da frenagem. Esse pedal costuma sofrer trepidações, o que é normal.

Alguns modelos oferecem ABS com EBD. Esse sistema funciona em conjunto com o ABS e ajuda a distribuir a força de frenagem entre todas as rodas, possibilitando que o comportamento das traseiras seja similar ao das dianteiras.

Além desses itens, carros um pouco mais luxuosos também oferecem sistema de controle de tração (ASR) e de estabilidade (ESP). Dá próxima vez que você for adquirir um veículo, dê preferência para os itens de segurança que podem salvar a sua vida.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)