Muitas pessoas ainda estão interessados ​​na reparação de automóveis e similares. Com tantas oficinas de reparação de automóveis lá fora, como você pode escolher a melhor delas para você? Será que aqui a “beleza” da oficina realmente é algo importante ou é só marketing?

Vamos analisar isso com muito cuidado e cautela.

Confira as instalações da oficina

Muitas oficinas de reparação automóveis estão perto de um posto de gasolina. Vá um dia encher o tanque, e veja o que os funcionários estão fazendo. Será que todos eles parecem estar trabalhando, ou todo mundo está pendurado do lado de fora, enquanto cinco carros diferentes estão parados, esperando para serem trabalhados?

Algumas pessoas ficam desanimadas quando vêem um funcionário que parece estar sujo. Por favor, não seja tão extremista. Estes homens estão trabalhando com carros durante todo o dia, é muito provável que eles vão ter sujeira em suas unhas e óleo em seus uniformes.

Agora, a atitude dos funcionários pode dizer muito sobre a oficina. Um funcionário com equipamentos de segurança apropriados pode mostrar uma preocupação da empresa com qualidade. Já um funcionário que busca sempre seguir procedimentos padronizados, como usar um torquímetro e outras ferramentas especializadas, demonstra alto preparo e conhecimento do funcionário.

Uma oficina que tenha ferramentas espalhadas por todos os cantos, sem cuidado algum, é no mínimo, um sinal amarelo. Digo sinal amarelo porque conheço muitas oficinas que tem ferramentas espalhadas por toda a oficina, mas as peças dos carros ou motos estão muito bem guardadas, separadas e conservadas, enquanto já vi oficinas organizadas onde havia motores desmontados no chão sujo, sem qualquer suporte ou preocupação. Vale ver muito o cuidado com o qual os funcionários manuseiam as peças e como eles lidam com o equipamento: se toda hora eles se perdem no meio da bagunça, sinal vermelho. Seu carro ou moto com certeza vai voltar com alguns arranhões ou problemas que não tinha antes, mesmo com um mecânico muito bom. Agora, se o mecânico é sempre organizado, procura mexer nas peças com calma e paciência, o sinal amarelo se torna rapidamente um sinal verde.

Dicas para encontrar boa oficina mecânica

Uma oficina bem organizada nem sempre é sinal de qualidade. Mas é um bom começo para encontrar a melhor entre elas. (Foto: www.aplusjapaneseautorepair.com)

Reúna comentários sobre o mecânico

Uma das melhores maneiras de avaliar a qualidade de um mecânico é pedir a familiares e amigos para avaliá-los. Saiba que eles usaram e se estavam felizes com o serviço dos profissionais. Além disso, você vai querer saber por quanto tempo eles têm vindo a utilizar este mecânico particular. Se eles tiveram apenas uma boa experiência, essa experiência pode não ser indicativo de todo o corpo de trabalho o mecânico tem realizado. Claro, você também pode levar para a web para encontrar diferentes opiniões dos dos povos e das experiências com a loja.

Considere o custo

É improvável que você quer pagar os preços altos para receber os serviços em seu carro. No entanto, às vezes, os preços de um estabelecimento particular são altos por uma razão. Eles podem ser especialmente bons no que fazem, ou os trabalhadores podem ter alguns certificados especiais. Se o lugar tem os melhores elogios e você se sente confortável com eles fazendo o trabalho, considere tirar para fora o dinheiro extra. Vai valer a pena no final, quando o seu carro não quebrar novamente no momento em sair da oficina.

No vídeo, a partir dos 5 minutos mais ou menos, dá pra ter uma ideia de que nem nas autorizadas se pode confiar muito.

Avaliação constante

Só porque uma loja serviu bem algumas vezes no passado não significa que será sempre de alta qualidade. Trabalhadores podem mudar, e as situações em uma loja podem se alterar. Sempre esteja ciente do que está acontecendo com o seu carro. Se você está descontente com um serviço que é recebido, deixe a equipe imediatamente. Ao fazer isso, você estará mostrando que não está dispostos a sujeitar-se a um trabalho que é menos do que perfeito. No futuro, você pode precisar de procurar uma loja diferente da que você está atualmente frequentando, se esta começa a diminuir na qualidade do trabalho.

Só olhar para a oficina adianta?

Não. Usando o exemplo das autorizadas, quem te oficinas bonitas, bem feitas, mas que geralmente prestam serviços caros e de má qualidade, salvo a provável exceção da Honda, que preza muito pela qualidade de suas oficinas nas autorizadas. Mas olhar para a oficina, seu funcionamento, a organização do mecânico é um bom começo. A exemplo, a oficina de meu antigo mecânico de motocicletas é uma zona. Minha moto ficou toda suja de óleo, ele esquecia de problemas que fazia com que fosse necessário eu voltar à oficina e já quebrou algumas peças de minha motocicleta, sem querer. Resolvia meus problemas? Sim. Mas é esse um mecânico que eu quero para minha moto? Com certeza, não.

Pense. Reflita. Compare. E assim, decida o que é realmente importante em um mecânico para você e seu veículo. Mas lembre-se: qualidade tem um preço.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)