Ferramentas para mecânicos – seu trabalho rende muito mais!

Escrito na categoria "Acessórios e opcionais" por André M. Coelho.

Muitos mecânicos ou pessoas que gostam dessa área, às vezes, gastam  muito tempo procurando o defeito ou fazendo o conserto. Porém, atualmente, há diversas ferramentas que podem facilitar a vida dessas pessoas.

Um exemplo é uma maletinha vendida que contêm 4 tipos de extensão e 4 tipos de cachimbo. Cada extensão possui um torque específico e se adapta ao cachimbo da mesma cor. Funciona da seguinte maneira:

No vídeo abaixo, veja outra ferramenta útil para os mecânicos e oficinas :

Mais uma ferramenta interessante é o adaptador para torque. Ele vem numa espécie de kit que contém um torquímetro digital e dois adaptadores que se adaptam à diferentes tipos de caximbos.

Pode ser usado em conjunto com o torquímetro digital, catraca comum, etc. Suporta diferentes unidades de medida como: metros, libras, quilos, newton e outras.

Antes de utilizador o aparelho, escolha a unidade de medida e o torque. Depois, basta inserir o caximbo no torquímetro (use o adaptador se necessário), a chave (extensão, catraca, etc), encaixar tudo (o conjunto) no parafuso e girar. Quando o torque for atingido, o aparelho emite um sinal e uma luz vermelha acende.

Ferramenta torquímetro digital

Ferramentas mecânicas que facilitam na hora do reparo e manutenção

Há também bomba de transferência para colocar fluído hidraúlico no câmbio automático, ferramenta de manutenção de arrefecimento através de vácuo, chave de impacto à bateria, bomba para troca de óleo da transmissão, dispositivo de rastreamento do sistema eletrônico,

Além de ferramentas há diversos acessórios que facilitam a vida dos mecânicos como: luvas especiais (onde não se perde tanto o tato), bonés com lanternas, bracelete magnético (para deixar as ferramentas que estão sendo usadas sempre à mão), cesta magnética (para parafusos, porcas e outros não se perderem), etc.

Enfim, deu para ver que há bastante ferramentas que facilitam a reparação e manutenção dos veículos. Para os mecânicos e donos de oficina vale a pena investir.

Confira também dicas de como escolher uma oficina e como importar carro diretamente e mais barato.

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

O pai de André já teve alguns carros clássicos antes de falecer, como Diplomata, Chevette e Opala. Após completar 18 anos, tirou carteira de moto e carro, comprando então sua primeira moto, uma Honda Sahara 350. Fez um curso de mecânica de motos para começar uma restauração na moto, e acabou aprendendo também como consertar alguns problemas de carros. Seu primeiro carro foi uma Nissan Grand Livina de 2014 e pretende em breve comprar uma picape diesel. No caminho, vai compartilhando tudo que aprende no site Carro de Garagem.

Deixe um comentário