A Latin NCAP é um órgão que realiza testes de segurança em veículos novos da América Latina e Caribe. Nos testes realizados, vários itens de segurança são avaliados extensivamente, e de várias maneiras diferentes. Tudo, simulando acontecimentos e acidentes possíveis pelos quais você, seus passageiros e seu veículo podem passar. Como que os carros da América Latina se saem então em um crash test? Bem mal, diga-se por passagem.

A falta de segurança dos veículos brasileiros e da América Latina

A maioria dos carros fabricados no Brasil e países vizinhos não chega nem ao pés dos carros americanos e europeus no quesito de segurança dos ocupantes. Para você ter uma ideia, um carro que é muito comum no Brasil e um dos mais vendidos pela FIAT foi avaliado num teste de colisão da Latin NCAP. Veja o vídeo com o crash test do Palio ELX 1.4, sem Airbag e depois confira os resultados técnicos decorrentes do teste.

Avaliando a segurança de veículo

Ao procurar segurança em um veículo, você deve encontrar carros com, pelo menos, 4 estrelas pela Latin NCAP. (Foto: carros.ig.com.br)

No FIAT Palio ELX 1.4 (Sem airbags), a Latin NCAP avaliou um alto risco de lesões fatais na cabeça do motorista por causa do impacto com o volante durante o teste. No FIAT Palio ELX 1.4 (Com airbags), foi constatado que a proteção marginal do peito do motorista. E as cadeiras infantis? Incompatíveis com o sistema de cintos de segurança.

Mais preocupante ainda: na classificação para ocupante criança, tanto o Palio com airbag quanto o sem airbag ficaram com 2 estrelas em 5 possíveis. Para ocupante adulto, o modelo com airbag teve 3 estrelas contra 1 do modelo sem airbag.

O que isso significa para você?

Mesmo se você não tiver um Palio, faça uma visita ao site da Latin NCAP ou outros sites, procurando os testes realizados para o seu veículo ou o veículo que você quer comprar. Três estrelas para crianças é aceitável, mas não recomendável. O mínimo são 4 estrelas, para que você e sua família tenham a segurança garantida.

Mas lógico, vale lembrar também: use o cinto de segurança, compre uma cadeira para crianças aprovada pelo INMETRO e de boa qualidade. Mantenha a manutenção do veículo em dia, principalmente itens de segurança, tais como pneus, freios, sistema ABS e mais. Todo cuidado é pouco, e o preço a mais pago pelo carro mais seguro vale cada centavo. Sua vida não tem preço.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)