ABS é uma abreviação para Anti-lock Braking System (algo como Sistema Anti-travamento de freio). Ele foi projetado para ajudar o motorista a manter alguma capacidade de direção e evitar a derrapagem durante a frenagem.

ABS foi introduzido em meados da década de 1980 e tornou-se um equipamento “standard” na maioria dos veículos vendidos no Canadá e EUA. ABS nos carros e na maioria dos veículos funciona em todas as quatro rodas. Isto promove a estabilidade direcional e permite direção, maximizando a frenagem.

No Brasil, o ABS será um item obrigatório nos carros fabricados aqui a partir de 2014. Por enquanto, ainda é um item que vai te custar um pouco mais na hora de comprar seu veículo.

Frenagem controlada

ABS permite manter o controle do veículo. O ABS evita que as rodas derrapem, fazendo manter aderência e estabilidade, o que lhe permite dirigir o veículo e ainda manter a frenagem.

Isso gera um tempo menor para frear o carro e impede que você perca o controle do veículo, principalmente quando estamos falando de frenagens de emergência.

Como isso funciona?

ABS utiliza sensores de velocidade nas rodas para determinar se uma ou mais rodas estão tentando travar durante a frenagem. Se uma roda começa a travar, uma série de válvulas hidráulicas limita ou reduz a travagem da roda. Isso evita derrapagens e permite que você mantenha o controle da direção.

Geralmente, os cálculos das informações dos sensores obtidos nas rodas do veículo são feitos pelo ECM ou algum sistema dedicado no seu veículo a este fim, afim de distribuir a frenagem corretamente entre as rodas do veículo.

As vantagens do ABS

A figura mostra bem a diferença entre os freios ABS e sem ABS. (Foto: www.citroenliberte.com.br)

Por que eu quero ou preciso disso?

Uma vez que o ABS não vai permitir ao pneu parar de girar, é frear e, ao mesmo tempo, orientar seu veículo. A capacidade de travagem e de direção do veículo é limitada pela quantidade de tração que seu pneu pode gerar.

Se você procura direção durante a frenagem, o 100% da tração que o pneu pode gerar será dividido entre as duas tarefas. Por exemplo, se você precisar de 50% para a direção, então não é de 50% disponível tração deixou para a frenagem. Se você precisar de 10% para a direção, então você tem até 90% para a frenagem. Esteja ciente de que 100% de tração em uma estrada seca é muito mais tração do que 100% de tração no gelo! Portanto, o veículo pode não ser capaz de se orientar e parar bem em uma superfície escorregadia como ele pode em uma estrada seca.

Ficou alguma dúvida sobre o funcionamento do ABS? O que vocês acham que esquecemos de explicar? Deixem suas perguntas e sugestões nos comentários abaixo!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)