Quem tem carro ou moto já passou pela experiência de comprar peças para o veículo. Se você quer encontrar peças baratas para motos, ou peças baratas para carros, é bem fácil encontrar. O problema mesmo é encontrar peças baratas e com qualidade pelo menos semelhante ao original. Isso exige algum conhecimento sobre mecânica, conhecer um pouco sobre as marcas das peças, e uma boa dose de conhecimento da arte da negociação.

Em 3 anos que já trabalho por hobby com mecânica de motos, já aprendi muito, errei muito, e consegui ver as grandes diferenças na qualidade e preço das peças de veículos brasileiros. Reuni neste artigo toda a experiência que ganhei nesse tempo, e aprendi com meus amigos mecânicos, torneiros mecânicos, e entusiastas.

Pesquise o preço das peças

Sites de comparação de preços, classificados online, redes sociais. A internet hoje possibilita a compra de peças das mais variadas fontes, e com os mais diversos preços. A concessionária, na grande maioria das vezes, é onde as peças estão mais caras. Ferros velho são opções boas para alguns tipos de peças. Mas depois de fazer essa pesquisa, você precisa aprofundar mais no assunto.

Em fóruns e até na própria concessionária, as pessoas podem te ajudar a encontrar outros lugares para comprar peças genuínas ou originais. Muitas vezes, a mesma empresa que fabrica a peça para uma montadora vende a mesma peça no mercado pela metade do preço, ou muito mais barato. Quer ver um exemplo bem simples?

Os cabos de acelerador da minha moto custavam, cada um, mais de R$100 na concessionária. No mercado, a mesma marca, custava metade do preço. Retentores, rolamentos, e um simples anel elástico podem ter as maiores diferenças de preço. Já vi anel elástico sendo vendido por R$20 na concessionária e por R$0,20 em uma loja especializada. É uma diferente de mais de 9000% no preço!

Se você tem um carro importado ou mais antigo, sites como o Car-Part.com podem te ajudar a encontrar a peça lá fora. Em alguns casos, vale até importar e pagar todos os impostos. Ou pedir para algum amigo que está viajando ao exterior para comprar e trazer a peça para você.

Importância em pesquisar preços de peças de veículos

Peças complementares, como retentores e rolamentos, são mais baratos e com melhor qualidade fora da concessionária. Alguns tipos de rolamento específicos podem não existir fora da rede de concessionárias, e você não terá muitas opções. (Foto: plus.google.com)

Confirme o número da peça e a compatibilidade

Muitos vendedores tentam empurrar peças de qualquer jeito para seus clientes. Vão falar que o retentor tem uma tolerância X ou Y para o tamanho, ou vão falar que a peça Z é compatível com o seu motor O. Você vai precisar mesmo é ligar pra concessionária ou usar o catálogo de peças do seu veículo, e pegar o número da peça. O manual de serviços do seu veículo é também importante, pois pode indicar qual a peça correta. O importante aqui é pesquisar bem, pois até o mesmo modelo em um mesmo ano, pode ter peças diferentes. Fóruns na internet e clubes do carro ou moto para o qual você quer comprar a peça ajudam bastante nas informações e até para aprender sobre a mecânica do seu veículo.

Pechinche o preço das peças com educação

Pesquisar o menor preço ajuda para negociar o preço de uma peça. Muito. Mesmo quando o preço é de produtos na internet, muitos lojistas de lojas físicas fazem de tudo para bater o preço, ou baixar o máximo possível. O negócio é não perder a venda. E você tem que pensar que pagar um pouco mais caro que o preço na internet pode valer a pena, principalmente pela praticidade de poder trocar a peça na sua cidade, e ter a peça imediatamente.

Classificados e lojas online nem sempre são a melhor opção para comprar peças baratas

Pela praticidade, parece que quase sempre é possível encontrar peças mais baratas pela internet. Só que não é bem assim. Mais de uma vez já acabei comprando peças pela internet e quando fui na concessionária, descobri que a peça era mais barata ou tinha preço equivalente. Não se iluda com a internet, a praticidade de pesquisar tudo online e receber em casa pode ter um custo extra desnecessário.

Aproveite cupons de desconto, promoções, e feirões de peças

Em lojas online, você pode usar cupons de desconto, além de promoções, para conseguir os melhores preços. Em lojas físicas, é muito comum feirões de peças para limpar o estoque. Feirões de peças originais ou genuínas bem baratas tem se tornado comum, e muitos mecânicos e entusiastas aproveitam para fazer um pequeno estoque de peças que desgastam rapidamente ou apresentam problemas com frequência.

Comprar pessoalmente ajuda nos descontos para peças ou mão de obra

Eu frequentemente vou à concessionária para fazer orçamentos, ou levar minha moto para revisão. Sempre que possível, peço um desconto na mão de obra ou no preço das peças, ou pelo menos a possibilidade de dividir em mais parcelas. Nem sempre funciona, mas já conseguir peças de brinde, e hoje tenho a liberdade até para perguntar e saber onde comprar as peças originais mais baratas que na concessionária.

Recrute amigos e mecânicos na sua busca por peças

Já teve peças em que tive que pedir a ajuda de vários amigos, tanto online quando da “vida real’, para encontrar uma peça X. Essa Rede Social de pesquisa de peças funciona melhor quando você está pesquisando peças de veículos mais raros, importados de luxo, ou veículos mais antigos. No ramo da restauração de veículos antigos, esse recrutamento é a forma mais eficiente de conseguir peças difíceis de achar no mercado.

Considere comprar um veículo de sucata

Principalmente nos leilões da Receita Federal, muitas motos e carros que não podem ser recuperados para rodar nas estradas (sucata), são vendidos bem barato. Pode valer a pena comprar um veículo de sucata para reaproveitar as peças, principalmente se seu carro ou moto tem mais de 10 anos da data de fabricação do último modelo. Muitos restauradores de carros antigos chegam a comprar mais de um carro sucata para o trabalho de restauração. O melhor é que as peças não utilizadas podem ser vendidas, e você ainda faz um lucro com as peças que não for usar.

Prefira sempre peças originais ou genuínas

Paralelas, com raras exceções, são piores do que as originais ou genuínas. Se a paralela é sua única opção, então pesquise qual a melhor marca para a peça que você precisa.

A concessionária é o lugar mais caro (quase) sempre

Se você não encontrou a peça que precisa com as estratégias acima, então é hora de abrir o bolso pra concessionária. Quase sempre, é o lugar mais caro, mas podem haver exceções. Como precaução, deixe a concessionária como última opção para suas compras de peças baratas, ok?

Como você faz compras de peças de carro baratas? E peças de moto baratas?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)