Moto que não tem embreagem, como pilotar?

Escrito na categoria "Motos e scooters" por André M. Coelho.

As scooters semiautomáticas e os modelos com CVT já estão presentes no Brasil há muitos anos. Estes modelos de motos, assim como algumas motos maiores, não tem embreagem. Reunimos algumas dicas e notas básicas para você dirigir uma moto semiautomática de forma segura e adequada para um iniciante. Talvez você não se sinta confiante o suficiente para dirigir a moto sem embreagem, mas não se preocupe: apenas siga estas instruções, você ficará muito melhor e mais confiante em breve para controlar esta moto e dirigir corretamente.

Como pilotar moto que não tem marcha?

Alguns modelos de moto tem um câmbio CVT, que significa Continuously Variable Transmission ou Transmissão Continuamente Variável. Em uma moto com CVT, a mudança de marchas é automática, sem a necessidade de intervenção do piloto.

É importante que ao usar uma moto de câmbio CVT, o piloto não acelere demais nas paradas e partidas. Além disso, é bom manter uma velocidade estável e menor do que o máximo que a moto aguenta. Abrir todo o acelerador ou acelerar rápido demais reduzem a vida útil do câmbio da motocicleta.

No mais, uma moto CVT funcionará da seguinte maneira:

Gire a chave para ligar a scoorter.

Suba o pedal da moto.

Aperte o freio. Tanto a manete quanto o pedal direito são dos freios (alguns modelos tem duas manetes de freios). Quando não há o pedal direito, o freio de manete é um freio combinado, para ambas as rodas.

Aperte o botão de partida para ligar a moto.

Solte o freio, deixando um pé no chão.

Acelere um pouco e remova o pé do chão quando a moto fica mais estável com maior velocidade.

Caso queira parar, faça uma frenagem gradual, e a moto para automaticamente sem morrer, sem necessidade de mudar as marchas.

Botão engine stop: use para desligar a moto automaticamente em paradas. Ela liga novamente quando você acelera. Recomendamos deixar no modo normal, mantendo a moto ligada.

Como pilotar moto sem embreagem?

Mudança de marcha: A regra é que quando você muda de marcha, você libera o acelerador, pisar na parte traseira do pedal esquerdo irá diminuir a marcha, enquanto pisar na parte dianteira do pedal esquerdo aumentará a marcha. Para voltar ao ponto morto, você pode mudar a marcha para baixo ou para cima.

Se você está tentando mudar de marcha para se mover mais rápido, mas espera muito tempo, você não pode mudar a marcha porque a velocidade da próxima marcha não corresponde. Enquanto você muda para desacelerar e torná-lo muito rápido, sua motocicleta semiautomática pode facilmente ficar presa. Então, uma parada ou pausa repentina pode ser muito perigosa e danificar o motor.

Defina a posição da marcha em Neutro (N). Entre em cada marcha passo a passo, mude a marcha de (N) para a 4ª marcha (Isso ajudará o motor a acelerar mais rápido)

Assim que a curva ou curva chegar, desacelere e solte o acelerador, mude a marcha para a 2ª ou 3ª marcha se a curva / curva estiver muito acentuada (então quando você passar pela curva, será mais fácil. forma, sua bicicleta semiautomática não tem que desacelerar muito e perder força) combinada com freios (você deve usar os freios dianteiro e traseiro)

Moto sem embreagem

Uma moto sem embreagem tem que ser dirigida com cuidado e técnicas diferentes. (Imagem: Happy Zip Motorbikes)

Como mudar de marcha em moto sem embreagem?

Um erro básico que muitos novatos cometem é não usar o equipamento certo para cada situação. Por exemplo, parando temporariamente (como parar o farol vermelho) ou dirigindo em velocidade extremamente baixa, mas eles ainda colocam a marcha alta (4ª marcha). Com essa direção errada, o motor vai consumir mais combustível e perder potência, o que afeta o desempenho da moto.

Você pode dar uma olhada nesta faixa: marcha em 1ª para 2ª para a velocidade 20 km / h; 2ª a 3ª marcha para a velocidade 20 – 40 km / h; 3ª a 4ª marcha para a velocidade 40 – 60 km / h.

Não use apenas uma pausa

Muitos novatos estão acostumados a apertar apenas um freio enquanto dirigem uma motocicleta semiautomática e, pior ainda, normalmente é o freio de mão. Há uma coisa importante que você deve lembrar que todas as motocicletas ou scooters são equipadas com dois freios (freio dianteiro e traseiro). E o freio de mão é para a roda dianteira.

Se você usar apenas o freio dianteiro, ele pode cair facilmente. Se utilizar apenas os travões traseiros, existe o risco de uma bicicleta semiautomática espirrar, escorregar e disparar.

A melhor maneira é usar os dois freios ao mesmo tempo com a regra “aperte o freio traseiro primeiro e depois o dianteiro”.

Manutenção de moto sem embreagem

Para sermos bem cuidados regularmente, devemos substituir os filtros de ar e de óleo a tempo.

Esses problemas técnicos podem ser confusos para os recém-chegados. Mas, em geral, qualquer coisa tem seus próprios termos e instruções. Nas motocicletas, trocar o filtro de ar, o filtro de óleo é fundamental para garantir durabilidade, bom desempenho e não “comer” muito combustível. A substituição do filtro de ar e do filtro de óleo regularmente também torna o motor mais suave, a máquina não é anormal durante o funcionamento.

Se o carburador gosta do “coração” do motor, o filtro de ar será como o “pulmão” da moto. Um filtro de ar sujo não fornecerá a quantidade correta de ar para o carburador. Isso fará com que a motocicleta consuma muito combustível e não tenha um bom desempenho. Para o filtro de óleo, sua função é peneirar e se livrar de contaminantes que podem ser prejudiciais ao motor.

Dos pontos acima, espero que este artigo ajude você a saber exatamente como dirigir uma motocicleta semiautomática ou sem marcha com segurança, mesmo você sendo um novato.

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

O pai de André já teve alguns carros clássicos antes de falecer, como Diplomata, Chevette e Opala. Após completar 18 anos, tirou carteira de moto e carro, comprando então sua primeira moto, uma Honda Sahara 350. Fez um curso de mecânica de motos para começar uma restauração na moto, e acabou aprendendo também como consertar alguns problemas de carros. Seu primeiro carro foi uma Nissan Grand Livina de 2014 e pretende em breve comprar uma picape diesel. No caminho, vai compartilhando tudo que aprende no site Carro de Garagem.

Deixe um comentário