Se o seu carro é equipado com ar condicionado, a última coisa que você quer é que ele pare de funcionar em um dia quente. A manutenção do ar condicionado é facilmente esquecida, pois não tende a afetar aspectos técnicos do veículo. No entanto, negligenciar essa manutenção pode levar a problemas ainda mais caros no futuro.

O que acontece se eu não usar o ar condicionado com frequência?

Quando utilizado com pouca frequência, a umidade pode começar a acumular-se nas tubulações e aberturas gerando fungos, bactérias e mofo. Isso pode deixar um cheiro desagradável no veículo, te dar uma dor de garganta ou dor de cabeça. Você pode prevenir e curar isso sozinho usando um filtro de ar condicionado ou trocando o existente. Outra forma de manutenção terá de ser feita por um profissional, por exemplo, mudando os filtros de ar que se bloqueados com pó e pólen.

Recarga do gás do ar condicionado

O gás refrigerante que o sistema funciona em precisará de recarga a cada dois ou três anos, uma vez que escapa gradualmente ao longo do tempo e vai deixá-lo com um ar-condicionado que não sopra frio. A falta de utilização aumenta a velocidade à qual o gás escapa, já que as juntas de borracha no sistema secam e deixam de formar uma boa vedação.

Produtos para manutenção do ar condicionado

Produtos para limpeza do ar condicionado são uma forma barata e eficaz para limpar o sistema. Você pode comprá-los como uma lata de aerossol que é pulverizada diretamente nas saídas de ar, ou o tipo que é deixado dentro do carro com o ar condicionado funcionando. Há também produtos que funcionam sendo colocados dentro do sistema de ar condicionado.

Vazamento no ar condicionado

Se você está dirigindo o carro com o ar-condicionado funcionando, você pode encontrar pequenas poças no chão debaixo do carro depois de ter estacionado. Este será usualmente um tubo de drenagem, onde é montado o sistema que permite a condensação escapar. No entanto, se você notar essa água regularmente, verifique o nível do líquido de arrefecimento para se certificar de que você não tem um vazamento no sistema. A verificação é também necessária se você julgar que o sistema não está resfriando apropriadamente.

Embaçamento dos vidros do carro

Se o pára-brisas embaça ou os tapetes parecem úmidos, pode significar que o tubo de recolha de condensados está bloqueado. Se você tem esse problema é uma coisa fácil de ter corrigido. E vale a pena fazer uma limpeza contra bactérias, mofo e fungos após esse reparo.

Flush para manutenção do ar condicionado

Um flush no ar condicionado pode ajudar muito na limpeza do sistema e o melhor funcionamento do mesmo. (Foto: www.motoringabout.com)

 

Barulhos estranhos quando ligo o ar condicionado

Barulhos estranhos que começam quando você liga o ar condicionado devem ter atenção imediata. A bomba do sistema chamado de “compressor” pode ser a causa e muitas vezes é um sinal de que está quase quebrando. Pode não ser barato corrigir, mas vai ser significativamente mais barato do que deixar o sistema entrar em colapso.

Problemas, manutenção, prevenção e soluções para o ar condicionado

As falhas óbvias que estão associadas com um sistemas de ar condicionado são:

  • Problema na tensão da correia de transmissão;
  • Fluxo de ar bloqueado através do condensador e do radiador;
  • Sinais visíveis de manchas de óleo refrigerante nos compressores, mangueiras, tubos ou acessórios;
  • Montagem de suportes de compressores frouxos ou defeituosos;
  • Tampas em falta.

Qualquer coisa além desta inspeção visual requer um completo serviço de manutenção do ar condicionado. Apenas um técnico totalmente qualificado pode realizar este serviço. O que você pode fazer como manutenção preventiva do ar condicionado é:

Usar o ar uma vez por semana durante 10 minutos para manter a pressão do gás. Isto impede o endurecimento das mangueiras e que vedações do compressor falhem. Ligue o ar condicionado para a temperatura mais baixa e mais alta velocidade do ventilador. Execute o modo “descongelar” aos 9:55 minutos para limpar a umidade acumulada. Isto impede a formação de mofo e o odor de pano molhado sujo no sistema.

Seu sistema de ar condicionado não só arrefece o seu veículo, mas também remove a umidade da cabine. Por isso, é boa prática usar o seu aparelho de ar condicionado no inverno para manter o seu pára-brisas livre de embaçamentos que prejudicam a visibilidade.

Janelas fechadas. Ao fechar todas as janelas do carro, mesmo nos dias mais quentes, a aerodinâmica do carro permanece máxima, mantendo o consumo de combustível baixo e o ruído exterior o ruído ao mínimo, aumentando a segurança para o motorista e passageiros.

Vazamento e desgaste natural do gás. Mais de 10% do gás do ar-condicionado vai “sumir” do sistema, o que significa que ele pode não funcionar tão bem como deveria. É por isso que os fabricantes de automóveis recomendam que seu sistema seja recarregado com gás e lubrificante a cada 2 anos.

Manutenção preventiva. É uma boa prática fazer uma manutenção do sistema a cada dois anos ou antes de uma temporada quente. Isso irá garantir que você não seja pego de surpresa por uma onda de calor súbito no início da temporada e vai permitir-lhe manter-se à frente de todas as falhas do sistema ou falhas potenciais do compressor.

  • Os itens que precisam ser verificados para interpretar funções operacionais e diagnóstico de um ar condicionado incluem:
  • Verificações de pressão estática e operacional;
  • Medição de temperatura;
  • Inspecionar visualmente o compressor de ar condicionado e a correia de transmissão (correia de acessórios) para rachaduras ou danos;
  • Verificar o funcionamento do compressor de ar condicionado e outros componentes de ar condicionado, como o condensador, canos e mangueiras;
  • Inspecionar visualmente os componentes acessíveis para vazamentos ou danos com um detector de vazamento eletrônico;
  • Aspirador para testar o sistema;
  • Limpeza das aletas do condensador;
  • Verificar se há mau cheiro no veículo.
  • Preencher o refrigerante e lubrificante do sistema.

Por que o meu ar condicionado do carro tem fluxo de ar fraco?

Principais causas de fluxo de ar fraco:

Bolor ou mofo. Podem ter acumulado no núcleo do evaporador de umidade residual que ocorre durante o processo de arrefecimento. Quando isso acontece, o ar vai ter problemas para alcançar as entradas de ar.

Uma mangueira se soltou. Isto normalmente acontece com o tubo de ventilador que fornece o ar para a unidade de ventoinha.

Ventoinha de ventilação queimada. Se o ventilador não está soprando, o ar não estará fluindo muito bem.

Retentores e vedação. Selos e retentores com problemas podem afetar o fluxo de ar.

Meu ar condicionado do carro não resfria mais

Possíveis causas:

  • Um vazamento do gás causado por uma falha de o-ring, vedação, mangueira ou componente;
  • Mangueira entupida;
  • Falha do compressor ou da embreagem do compressor;
  • Falha do motor do ventilador ou ventoinha do motor;
  • Condensador/evaporador danificado;
  • Vazamentos;
  • Interruptor, fusível, módulo ou outro componente eletrônico falho.

Mau cheiro no carro

Possíveis causas:

  • Filtro de cabine de ar sujo e velho;
  • Evaporador mofado. Um problema para muitos veículos quando a água fica no evaporador porque o dreno está bloqueado.

Considerações Finais

A manutenção constante e preventiva vai ajudar que seu ar condicionado sempre funcione bem e ajude a controlar o consumo do veículo, já que o sistema não precisa se sobrecarregar para continuar funcionando. Faça você mesmo as verificações, mantenha o sistema limpo e sempre funcionando para evitar rombos no bolso por conta de reparos mais caros.

Já teve problemas com ar condicionado? Quais? Quanto custou o reparo e por que o problema aconteceu?

2 comentários para “Ar condicionado do carro! Manutenção para economizar e durar mais!”

  1. Denilson

    Olá, tenho um carro modelo Kadett 97 2.0 completo! Problema – O ar condicionado funciona normalmente na cidade, porém quando pego estrada o ar para de funcionar, saindo uma névoa das grades do ar no painél, não funcionando jeito nenhum! Uma coisa percebi, em baixa velocidade ele funciona normalmente mas em alta velocidade ele para de funcionar.. Já levei em alguns lugares, mas sem exito, tem alguma solução?

    Responder
    • Equipe Carro de Garagem

      Denilson, verifique a válvula termostática do veículo. Parece que ela está travada.

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)