Fazer o diagnóstico de defeitos e problemas nos carros modernos exige a utilização de um sistema de rastreamento veicular. O mais comum é que o dono do carro visite uma oficina e pague um preço relativamente alto por um serviço que inclui apenas mão de obra e leva poucos minutos. Algumas oficinas até geram um relatório impresso e mais completo para valorizar ainda mais o serviço.

O que ainda não é amplamente divulgada é a possibilidade de você mesmo fazer o rastreamento do seu carro utilizando um smartphone comum. Ele precisa apenas ter bluetooth, que já é algo de série em praticamente todo celular lançado hoje em dia.

Existem vários apps para fazer rastreamento veicular, mas o foco deste artigo são nas informações que podem ser obtidas com estes programas rastreadores mais simples. Utilizando o ELM 327, mostrado na foto abaixo, é possível analisar o comportamento de diversos sensores do veículo sem ter que pagar por um scanner profissional que custa caro. Tanto os scanners quanto os aplicativos que utiizam a porta OBD2 estão solicitando informações da central (centralina, como se costuma dizer) do carro. Nem todos os veículos são compatíveis com todos os aplicativos de celular, mas isto é preciso verificar no site de cada um. Em gera, os carros fabricados após o ano 2000 em diante já tem uma boa padronização destes protocolos de comunicação e já existem vários programas que permitem a comunicação com eles.

Cada veículo tem a porta OBD2 (On Board Diagnostic System) em um lugar diferente. É um conector como este mostrado na figura. Alguns carros tem o conector de rastreamento no compartimento do motor, outros o tem abaixo do porta luvas ou mesmo dentro. No vídeo ao fim deste artigo é possível ver que o conector OBD2 do Polo fica na parte inferior do painel, abaixo do volante.

Conector ELM 327 sobre o volante de um carro

Conector ELM 327 para rastreamento veicular usando o celular

O ELM 327 é vendido neste sites de produtos chineses com preços a partir de 5 dólares! É muito barato considerando a quantidade de informações que ele torna possível obter.

Basta ligar o ELM 327 nesta porta OBDII, configurar o software no celular e você já poderá ler várias informações de diversos sensores, muitas delas com o carro em movimento e com gráficos em tempo real (não deixe de ver o vídeo até o fim):

  • velocidade
  • carga calculada do motor
  • leitura do sensor de oxigênio (sonda lâmbda)
  • rotação do motor
  • consumo médio e instantâneo de combustível
  • ver e limpar os códigos de erro e apagar a luz da injeção
  • memória DTC
  • temperatura do líquido de arrefecimento
  • status do sistema de injeção de combustível
  • pressão absoluta do ar admitido
  • temperatura do ar admitido
  • tempos de ignição
  • pressão de injeção do combustível

A lista tem apenas os parâmetros mais simples e comuns. Dependendo do veículo a lista é muito maior que esta e os dados lidos são muito mais detalhados, incluindo até mesmo informações como número de série de componentes do carro, quilometragem real e outras coisas do tipo. Além de ver todas estas informações, alguns apps permite exibir as informações em tempo real ou gravar as mesmas para montar gráficos e fazer análises posteriores.Vale a pena utilizar estes aplicativos para saber o que se passa em seu carro.

Inclusive, é possível mudar os hábitos de direção a partir dos gráficos exibidos. Ao andar com o app ligado e mostrando os gráficos na tela, você começa a perceber e entender melhor o funcionamento do carro, evitando comportamentos que levem a desgastes desnecessários ou elevado consumo de combustível. Quem gosta de carro e tecnologia fica realmente emocionado ao perceber que o carro é algo muito mais complexo e dinâmico do que se imagina.

Ver estes gráficos em tempo real ajuda a perceber o quão evoluída está a tecnologia embarcada nos veículos de hoje em dia e fica ainda mais fácil perceber o quanto nossa vida está dependente do correto funcionamento dos softwares que rodam em nossos carros. Há inclusive alguns vídeos que mostram a consequência de uma falha no sistema de direção elétrica de um veículo i30 que estava sendo testado pela imprensa especializada. Os carros hoje em dia são sistemas informatizados e isto não vai mudar. Isto é bom pois você pode configurá-lo, entender melhor como ele funciona e ver tudo que ele está fazendo enquanto você está dirigindo.

Se você tiver dúvidas sobre como fazer o rastreamento funcionar em seu carro, deixe um comentário neste artigo ou preferencialmente no vídeo acima. Para saber mais sobre o app utilizado, veja o texto sobre app para rastreamento OBD2 que mostra todo o funcionamento do OBD Car Doctor, utilizado no vídeo. Queremos que todos possam escanear seus próprios carros e chegar à oficina mecânica com informações mais precisas para ajudar no diagnóstico a ser feito pelo profissional de reparação automotiva!

15 comentários para “Rastreamento veicular – ELM 327 OBD2 com Celular bluetooth”

  1. Welson

    Boa tarde tenho renault clio 2001, e a luz da injeção não acende e ele não liga da para rastrealo via bluetooth.

    Responder
  2. Robson

    Não consigo achar o conector de diagnóstico da central eletrônica.

    Responder
    • Equipe Carro de Garagem

      Robson,
      Se você estiver procurando um modelo do ELM327, sugiro o AliExpress ou outras lojas da China que tem um preço bem em conta.

      Responder
    • Alves

      Isto e conversa fiada meu…
      Alem de ver o defeito precisa Entender como funciona a injecão eletronica.
      O que andianta você sabe que esta com febre mas não saber o que esta procando a febre?

      Responder
  3. William

    Bom dia; meu primo tem uma pickupp 1.0 RUIYI. Pega normal acelera em ponto morto mas quando engata a marcha falha e não passa de 60km

    Responder
  4. Adolfo

    Boa tarde como saber qual aparelho pode ser compativel e se funciona fiat strada 2002

    Responder
    • Equipe Carro de Garagem

      Adolfo, não sabemos.

      Responder
    • Elvis

      Adolfo eu comprei um HH OBD2 advanced ele funciona no Palio, Strada, Uno e Siena

      Responder
  5. Benny

    Tenho um c4 pallas e comprei o obd2. Fazendo a conexão pelo app Torque, é feita a conexão Bluetooth, o celular encontra o scanner, ficam todos os ícones azuis mas não há a comunicação. O C4 Pallas aceita o scanner? Oq pode estar acontecendo?
    Obrigafo

    Responder
    • Equipe Carro de Garagem

      Benny, já verificou no manual? Pode ser necessária uma atualização do aplicativo ou do próprio conector.

      Responder
    • Diego Toneto Reis de Moura

      Boa noite amigo… O aplicativo funcionou perfeitamente no meu C4 Pallas 2011 GLX., estou usando o Torque(lite), e o Scanner “XingLing” que comprei no EbaY…

      Responder
  6. Cláudio

    As informações são todas em inglês, não tem como configurar para português?

    Responder
    • Equipe Carro de Garagem

      Claudio, tem como traduzir pro português sim. Tem fóruns onde eles explicam o passo a passo.

      Responder
  7. Evertonildo Maia

    Bom dia,
    Pluguei hoje meu dispositivo no meu HB20 e parece está funcionando muito bem. A pergunta é: Posso deixá-lo plugado ou não é uma boa prática fazer isso?

    Responder
    • Equipe Carro de Garagem

      Evertonildo, o ideal é conferir no manual. Cada carro tem condições diferentes.

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)