Um rack ou suporte para o teto de um veículo é utilizado para aumentar efetivamente a carga possível que seu carro pode carregar, ao criar um espaço no teto de seu veículo que pode ser utilizado para colocar objetos de maior porte ou até malas, se você tem uma família muito grande. Desde que não ultrapasse uma altura máxima de 50 cm e suas dimensões não ultrapassem o comprimento e a largura da parte superior da carroceria, que as dimensões dos equipamentos e utilidades não excedam a largura e o comprimento total do veículo, que não impeça a visibilidade do condutor e não oculte as luzes do veículo. Salvo que, para o transporte de bicicletas no teto não se aplica a altura máxima especificada.

Algumas montadoras já tem suportes e racks como itens de série ou opcionais para o veículo. Se estes existem, opte por eles, sem buscar nenhuma opção no mercado paralelo. Agora, se seu veículo não tem estes itens, busque marcas conhecidas no mercado. O preço mais alto não necessariamente indicará um bom rack, mas é um bom termômetro para saber quando confiar ou não em uma marca.

Existem racks com uma estrutura mais sólida, outros feitos apenas com fitas de materiais plásticos reforçados. Você tem que analisar bem o uso que será dado par ao rack, principalmente com o peso que ele terá de suportar, para não escolher um que possa se quebrar com facilidade.

Existe racks veiculares com ventosas, que se fixam na parte superior do carro e racks veiculares de suporte com ajuste fino, aplicado na superfície externa de teto. No primeiro caso, o rack também ficará fixado nas “dobras” do teto do veículo junto às portas.

Opção para mais carga nos carros

Escolher um rack ou suporte para um veículo é fácil. Difícil é não querer abusar da carga máxima estabelecida pelo fabricante. (Foto: mercadolivre.com.br)

Mas não ache que escolher um rack bom significa poder colocar qualquer coisa em cima do veículo. Você deve respeitar os limites impostos pelo manual do proprietário, afim de não prejudicar a estabilidade e nem a integridade de seu carro. Segurança sempre em primeiro lugar.

Com a instalação feita, você deve forçar o conjunto o máximo que puder, verificando a firmeza. Lembre-se que em uma viagem longa, o suporte passará por um grande estresse. Peça ao seu mecânico para fazer a instalação. Você pode até tentar sozinho, mas terá de se responsabilizar por danos causados e à má instalação do suporte, caso tenha dificuldades.

Se você vai transportar bicicletas com o rack, precisará também de fitas que restrinjam o movimento elas e de suportes extras para a parte centra de seu teto que manterão as rodas das bicicletas travadas. No caso de outros tipos de carga que sejam mais flexíveis, recomendamos a compra de um bagageiro para a parte superior de seu veículo, o que é bom pois limitará de certa forma a carga que você pode carregar.

O  rack e qualquer carga colocada sobre ele irá interferir na aerodinâmica do veículo. Portanto, não abuse logo após a instalação e se acostume com as novas características antes de ter segurança novamente na direção. A escolha do rack deve levar em conta isso.

Não compre um rack apenas para poder levar mais carga em seu veículo. Ele deve ser um item de uso opcional e apenas “obrigatório” para aqueles que tem bicicletas que queiram facilitar o transporte das mesmas. Esperamos ter ajudado!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)