Todo mundo que pensa em ter um carro na garagem acaba vendo primeiro apenas as vantagens de ter um carro próprio. Estas vantagens são indiscutíveis, especialmente quando conforto e segurança entram no cálculo. Nos últimos anos, com o aumento dos preços de transporte público, e o tempo que demora para esperar o transporte público e a chegada em casa pesam bastante na decisão de um meio de transporte próprio. Tudo isso entra em cálculos, análises e discussões familiares, para se chegar a um consenso. Pense no custo mensal de ter um carro, pois isso é importante para qualquer orçamento familiar

E por falar em cálculo, recebi de um leitor o seguinte cálculo a respeito de quanto custa manter um carro. Este link é sobre um artigo que escrevi a este respeito a algum tempo atrás. Achei que seria interessante publicar aqui a história do leitor para abrirmos uma discussão a respeito: será que vale a pena pagar pelo carro próprio?

O comentário do leitor começa assim: “Estou sem carro há 2 meses pois farei em breve uma viagem ao exterior e ficarei lá por 2 anos para estudos. Resolvi então fazer uma conta sobre quanto o meu carro me custava todo mês e fiquei surpreso. Se possível, publique isto no site para que outros leitores façam este cálculo também.”

Pese bem os custos de um carro antes de comprar

Ter um carro custa caro, e você tem que pesar muito bem os custos antes de sair gastando dinheiro de sair comprando um carro próprio. (Foto: www.estadao.com.br)

Os gastos do leitor com um veículo

O carro que vendi era um Volkswagem Polo 05/06 e eu sempre fui do tipo que anota tudo que é gasto com o carro. Nestes 3 anos que fiquei com o veículo, que tem o valor de R$30.000, a média dos gastos mensais foram:

Combustível R$300

Manutenção R$150

Seguro R$120

Desvalorização R$120

IPVA R$100

Estacionamento R$50

No comentário do leitor: “No total, são R$840,00 por mês para manter este carro. Eu realmente achava que não era tanto, mas esta é a média histórica dos últimos anos em que fiquei com o carro. Já pensei em formas alternativas de reduzir este custo, mas nenhuma delas se mostrou interessante. A única coisa que percebi que poderia amenizar estes custos seria trocar por um carro mais barato, com motor menos potente e sem os opcionais de segurança, tais como ABS e air bag. Mas. pelo menos no caso dos opcionais de segurança, já acho que aí não vale a pena.”

Pessoalmente, preferi comprar uma moto do que ter um carro. Porém, muitas pessoas não querem assumir o risco de uma motocicleta, ou não podem, por conta de ter família.

E então meus leitores? Vocês tem ideias sobre como reduzir o custo de manter um carro? Há outras alternativas? Comentem ! Vamos discutir a este respeito!

Um comentário para “Carro: vale a pena?”

  1. Pedro

    É bom ter carro devido as facilidades que ele oferece, mas do ponto de vista financeiro é um mal negócio

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)