Se você é uma pessoa que gosta de veículos crossover e dinheiro não é problema, uma nova opção é o Juke-R. O modelo foi desenvolvido de forma independente pela divisão inglesa da Nissan em parceria com a RML (equipe do do Le Mans Series e do WTCC).

Ele pode ser adquirido por pessoas de qualquer parte do mundo pelo preço de 590 mil dólares. Todos os modelos são de edição limitada e feitos sob encomenda.

Seu principal público são colecionadores e pessoas que gostam de exclusividade. A Nissan inglesa tem pretensão de produzir entre 20 e 25 unidades do Juke-R. Mesmo havendo um número maior de compradores, a marca não pretende produzir mais de 50 unidades.

Frente do Juke-R da Nissan

Visão frontal do Nissan Juke-R

Traseira do Juke-R da Nissan

Visão traseira do Nissan Juke-R

O Crossover foi criado com base no Nissan Juke e no GTR. É equipado com motor GT-R 2012 que possui potência máxima de 553 cavalos e, segundo a marca, atinge velocidade máxima de 250 km/h.

Lateral do Juke-R da Nissan

Visão lateral do Nissan Juke-R

Para desenvolvê-lo, toda a equipe teve que modificar a estrutura do Juke para comportar o motor GT-R. Apesar da estrutura possuir o mesmo comprimento e entre-eixos do Juke, o Juke-R é mais largo. Ele também possui uma gaiola diferente, reforços no chassi e as rodas são aro 20″.

interior do Juke-R da Nissan

Visão do interior do Nissan Juke-R

Foram instalados novas entradas de ar e aerofólio para proporcionar melhor dirigibilidade e deixar o veículo bem preso ao chão. Todas essas características, proporcionaram ao Nissan Juke-R o título de crossover mais rápido do mundo.

Painel do Juke-R da Nissan

Visão do painel do Nissan Juck-R

Mesmo com o preço elevado, a marca já recebeu três encomendas e pretende entregar as primeiras unidades até o meio do semestre que vem.

Se você ficou interessado, a Nissan estará recebendo encomendas durante todo o mês de maio através do e-mail juke-r@nissan.co.uk.

Agora, se você não é milionário e está à procura de um veículo crossover de preço bem mais acessível, dê uma olhada na nova Blazer 2012.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)