Como viajar e não dormir no volante?

Escrito na categoria "Automóveis e veículos" por André M. Coelho.

Todos os anos, milhares de acidentes e mortes são causadas por fadiga do condutor. A falta de sono afeta o nosso tempo de reação, o julgamento e a capacidade de concentração. Isso pode ser especialmente perigoso se você está dirigindo, principalmente nas rodovias brasileiras, recheadas de curvas perigosas, buracos e muitos motoristas inconsequentes.

Neste contexto, um dos maiores perigos é que você adormeça enquanto conduz um veículo. Mas como evitar isso?

A cafeína, estimulantes, energéticos e outros truques podem te dar um ânimo temporariamente, mas essas coisas não são confiáveis ​​e não funcionam por longos períodos de tempo. Em vez disso, a melhor solução para o cansaço dos motoristas é evitar estar cansado. Estas substâncias podem ser usadas para te ajudar a percorrer distâncias muito pequenas para parar o seu veículo em um hotel ou em um local seguro para que você possa descansar.

Também, nunca viaje com débito de sono: Antes de uma longa viagem ou para viagens à noite, tenha certeza de que dormiu muito bem no dia anterior e está completamente descansado. Se a viagem é muito longa, procure se planejar para dividir a direção ou parar no meio do caminho. Fazer pausas durante o trajeto irá permitir que você esticar, mover-se e despertar, além de te da ruma boa oportunidade para curtir o cenário. Planeje-se para pausas e até mesmo para alguns cochilos rápidos.

Dormir ao volante

Quando se sentir cansado, encoste em um posto ou outro local seguro, que não o acostamento, para descansar e assim, conseguir seguir viagem em segurança. (Foto: electronics.howstuffworks.com)

O ideal é que você evite dirigir entre meia noite e seis da manhã, período em que você idealmente deveria estar dormindo. O melhor horário para começar uma viagem é no horário em que você se sente mais acordado, o que pode não coincidir com o horário que você acorda.

Se você está bocejando constantemente, não consegue se lembrar dos últimos momentos de condução ou não pode manter seus olhos focados, encoste e tire um cochilo rápido: estes são sinais de que sua atenção já está em um nível muito baixo e perigoso.

Muitas pessoas pensam que a abertura da janela, tocar música alta ou falar ao telefone irá ajudá-lo a ficar acordado. Estes são, de fato, coisas perigosas de se fazer, porque irão distraí-lo de dirigir em um momento em que você precisa se concentrar. Também são responsáveis por te dar uma falsa sensação de segurança ao mantê-lo na estrada quando você deve parar.

Tente nunca usar truques e se o fizer, use-os por curtíssimos períodos de tempo. O mais importante a se fazer quando você estiver cansado é tirar um cochilo para continuar sua viagem.

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

O pai de André já teve alguns carros clássicos antes de falecer, como Diplomata, Chevette e Opala. Após completar 18 anos, tirou carteira de moto e carro, comprando então sua primeira moto, uma Honda Sahara 350. Fez um curso de mecânica de motos para começar uma restauração na moto, e acabou aprendendo também como consertar alguns problemas de carros. Seu primeiro carro foi uma Nissan Grand Livina de 2014 e pretende em breve comprar uma picape diesel. No caminho, vai compartilhando tudo que aprende no site Carro de Garagem.

Deixe um comentário