Simulador de auto escola, como funciona?

Escrito na categoria "Automóveis e veículos" por André M. Coelho.

Como acontece com qualquer outro investimento em tecnologia, um simulador de direção pode ser avaliado de várias maneiras diferentes. Os construtores de veículos, por exemplo, podem definir o valor de um simulador estritamente em termos de sua capacidade de afetar o processo de desenvolvimento do veículo. Os simuladores são também utilizados em várias auto escolas, simulando situações da vida real na direção em um ambiente controlado.

O que faz um simulador de auto escola?

Aprender a dirigir é uma época excitante e estressante para muitos novos motoristas. Imagine se houvesse uma maneira de aliviar parte desse estresse e, ao mesmo tempo, aprender a dirigir no processo. É algo em que você possa estar interessado? Bem, então deixe-me apresentar um simulador de direção; uma máquina que simula as condições de condução de um veículo, mantendo os ocupantes sãos e salvos.

Será que você poderia evitar um acidente quando um veículo que se aproximava desvia par sua pista? Você sabe como evitar se envolver em um incidente sem conhecer os procedimentos adequados para dirigir na chuva? No simulador de auto escola, você pode simular todas essas situações. muitos instrutores de autoescolas incentivam os novos motoristas a aprender da maneira antiga; em um veículo. Porém, os simuladores acrescentam uma ótima opção, segura, que pode também ajudar no tratamento de quem tem medo de dirigir.

Os simuladores de direção não são obrigatórios nas auto escolas, mas podem contribuir muito para quem quer aprender.

Menos estresse com um simulador de direção

Quantos relatórios você viu onde um veículo sai do nada e faz com que alguém bata o carro? Em uma configuração de simulação, você será capaz de praticar o medo específico para ter uma ideia do que pode ser feito para evitar esses acidentes horríveis. Além disso, menos estresse na mente significa mais diversão no processo.

Jogos são sinônimos de diversão. E o que é mais divertido do que jogar um jogo de direção como GTA (Grand Theft Auto) ou forza (Forza Motorsports) para um jovem piloto. Esses jogos permitiram que os adolescentes operassem um veículo como forma de entretenimento. Ainda assim, esses cenários permitem que um novo motorista compreenda melhor um ambiente onde carros do mundo real são substituídos por imagens pixeladas de alta qualidade, sem o risco de que acidentes possam causar danos permanentes.

Simuladores de direção do DETRAN

Os simuladores de direção do DETRAN ajudam a melhorar suas habilidades em um ambiente controlado. (Imagem: Glenrose Rehabilitation Hospital Foundation)

As situações do mundo real em um simulador de trânsito

Os simuladores de direção modernos são capazes de replicar até 400 cenários diferentes que ensinam a gama de habilidades cognitivas necessárias para lidar com as complexas condições de tráfego e estradas. Isso permite que novos condutores aumentem seu tempo de reação no processo. Simuladores também podem ser usados ​​para preparar os alunos para lidar com tarefas imprevisíveis ou críticas para a segurança que podem ser inadequadas para a prática na estrada, como evitar colisões ou direção arriscada.

Além disso, os simuladores permitem estudar a antecipação e percepção de perigos, expondo os motoristas a tarefas de direção perigosas, o que é um desafio eticamente desafiador em veículos reais. Mais operações do dia a dia também podem ser pensadas como estacionamento paralelo, fazer curvas de 3 pontos adequadas e aquela coisa horrível de mudança de faixa.

Uma das principais causas de acidentes nas estradas é dirigir muito rápido. Um simulador de direção pode resolver essas questões demonstrando o que realmente acontece quando um motorista excede o limite de velocidade e como seu tempo de reação é afetado no processo. Não há como ensinar aos alunos essa mesma condição na estrada sem colocar todos em perigo no processo. Estudo após estudo mostrou que os acidentes de carro são significativamente maiores em jovens condutores durante os primeiros anos de obtenção da licença e diminuem com o aumento da experiência.

A taxa de acidentes para jovens é bem maior do que para motoristas de todas as idades. Isso produz um dilema interessante sobre como fornecer aos jovens condutores experiência de direção sem aumentar significativamente o risco de acidentes. Uma simulação de direção pode ser a solução para esse dilema, oferecendo uma oportunidade de aprender com os erros em um ambiente de perdão.

O simulador de trânsito ajuda na coleta e análise de dados

Quando um instrutor avisa a um aluno que ele fez uma curva ampla à esquerda, é muito mais difícil explicar a largura da curva de fato em comparação com o caminho adequado. Em um simulador, você recebe dados específicos para que um instrutor possa aconselhar o que ajustar e exatamente em quanto. Essas informações valiosas fornecem feedback imediato para que o aluno se ajuste em questão de segundos.

Por exemplo, em um estudo usando um veículo instrumentado e um simulador de direção, foi impossível determinar a distância entre o veículo e uma linha de parada na estrada, enquanto no simulador essa informação estava prontamente disponível. A medição da posição lateral também é um desafio, pois requer marcadores de faixa visíveis, enquanto as condições climáticas, reflexos e sombras podem afetar a qualidade da medição. O estudo constatou que as medições da posição lateral do veículo instrumentado eram de qualidade marginal, enquanto essa informação era precisa no simulador, levando os autores a concluir que os problemas com estudos de campo em um veículo instrumentado foram confirmados.

Simuladores ajudam no controle da situação

Simuladores de direção oferecem aos alunos várias vantagens em comparação com veículos reais. Uma delas é a controlabilidade da situação ou cenário de direção. Os alunos podem praticar uma determinada manobra repetidamente em várias condições até que a acertem. Em um ambiente simulado, os alunos também podem se preparar para condições perigosas de direção sem correr riscos físicos. Aprender a dirigir usando um simulador também oferece aos alunos mais momentos educacionais em um período mais curto, tornando o treinamento do motorista mais benéfico.

Cada motorista é diferente e, como tal, tem necessidades diferentes que precisam ser atendidas. Os benefícios de um simulador são que ele pode criar inúmeros cenários únicos para praticar. Quer você viva em uma cidade altamente populosa e queira aprender como evitar melhor os pedestres ou apenas queira praticar a direção à noite, um simulador pode realizar essas circunstâncias com um clique de um botão.

Grandes empresas podem se beneficiar de simuladores

As autoescolas não são as únicas que implementaram simuladores. Muitas empresas de transporte vem utilizando essas máquinas há alguns anos com resultados positivos. Agora, se uma empresa de transporte está preocupada com acidentes e como isso pode afetar seus negócios, imagine como os motoristas novos e inexperientes devem se sentir quando suas vidas estão em risco?

O simulador não é a realidade

A sensação de dirigir pela primeira, segunda ou até terceira vez traz um choque em seu sistema que nenhum simulador pode igualar. Essa falsa sensação de segurança ao operar um simulador pode realmente prejudicar sua capacidade de reagir a cenários da vida real, onde decisões instantâneas precisam ser tomadas. Em um ambiente relaxado, seus sinais de luta ou fuga podem não funcionar tão rápido quanto deveriam.

Novas tecnologias sempre serão bem-vindas; particularmente no que se refere a ajudar os humanos a alcançar algo mais efetivamente. Simuladores de direção podem ser ótimos para a prática, mas a experiência de dirigir uma máquina de simulação não pode ser reproduzida. Alguns alunos podem não levar as aulas do simulador de direção a sério o suficiente, acreditando que, se tomarem uma decisão errada que levaria seu carro virtual à colisão, eles podem simplesmente pressionar um botão de reinicialização e reiniciar de qualquer maneira.

Curiosamente, embora a segurança seja frequentemente citada como uma vantagem de uma simulação de direção, às vezes esse mesmo recurso é interpretado como uma desvantagem. O perigo real e as consequências reais das ações não ocorrem em um simulador de direção, dando origem a uma falsa sensação de segurança, responsabilidade ou competência.

Embora os simuladores de direção apresentem benefícios únicos que não podem ser comparados com a operação de um veículo real, há uma quantidade limitada de estudos realizados sobre se as habilidades aprendidas em um simulador de direção são transferidas para a estrada. Observe que, no campo da aviação, estudos sobre transferência de treinamento são muito mais comuns, mas mesmo na aviação questões críticas permanecem sem resposta; por exemplo, se uma base de movimento fornece valor agregado para a eficácia do treinamento de voo.

Pode-se supor que essas habilidades são transferíveis, mas sem dados concretos, estamos apenas assumindo. Apresentamos exemplos em que os simuladores beneficiaram empresas piloto e de entrega, mas não sabemos quantas horas um estudante de motorista regular precisaria corresponder para alcançar os resultados dos que apresentamos anteriormente. Um motorista jovem também pode não querer gastar o tempo adicional necessário para se beneficiar totalmente de um programa tão rigoroso.

Para obter o verdadeiro valor do simulador de direção, você deve criar uma experiência de 360 ​​graus para que o motorista se sinta imerso em um veículo. A configuração de três câmeras, como a imagem abaixo, não leva em consideração técnicas de direção importantes, como olhar para trás para ver se algum carro está nos pontos cegos. Um sistema mais avançado custará quase tanto quanto um veículo real; e você só pode apertar uma pessoa de cada vez em um deles. Além disso, é necessário espaço adequado para abrigar esses simuladores. A maioria das autoescolas não tem o espaço necessário para caber até mesmo algumas delas em seus estabelecimentos. Uma estrada, no entanto, tem todo o espaço de que seria necessário para praticar a direção.

Simuladores apresentam mais um desafio para adultos e motoristas mais idosos. A doença do simulador é na verdade uma coisa real que faz com oque os indivíduos se sintam tontos à medida que experimentam certos efeitos visuais e curvas fechadas. Tenho certeza de que os mais jovens se identificam em mostrar um videogame aos pais e ouvir seus entes queridos lhes dizerem como foi difícil para eles até mesmo olhar para ele. Os jovens estão acostumados a assistir ou brincar em telas de todos os tamanhos; de seus smartphones a suas smart TVs.

Quanto custa um simulador de direção?

O preço médio de um simulador completo para uma auto escola é de cerca de 40 salários mínimos. Alguns modelos mais básicos, como simuladores para se ter em casa, podem ser mais baratos, mas terão menos recursos do que os modelos completos.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas!

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

O pai de André já teve alguns carros clássicos antes de falecer, como Diplomata, Chevette e Opala. Após completar 18 anos, tirou carteira de moto e carro, comprando então sua primeira moto, uma Honda Sahara 350. Fez um curso de mecânica de motos para começar uma restauração na moto, e acabou aprendendo também como consertar alguns problemas de carros. Seu primeiro carro foi uma Nissan Grand Livina de 2014 e pretende em breve comprar uma picape diesel. No caminho, vai compartilhando tudo que aprende no site Carro de Garagem.

Deixe um comentário