Poucas coisas são tão irritantes na direção de um veículo quanto um volante puxando a direção. E isso não é apenas irritante. Ao longo do tempo, as vibrações e oscilações geradas pela direção podem estragar vários componentes do veículo, inclusive componentes adjacentes ao sistema de direção.

Muitas vezes a vibração, oscilação, vibração, ou volante puxando pode se resumir a um parafuso solto. O que se segue são os fatores mais comuns a causarem a direção de um carro a puxar para a direita ou esquerda, e não é só o volante torto ou alinhamento.

 

Alinhamento do volante e balanceamento de rodas

Se seu volante está puxando, as chances são grandes de que suas rodas estão com problemas no balanceamento. Rodas não balanceadas são rodas que tem variações em seus ângulos ou no peso de sua construção, que acabam provocando vibrações assim que o veículo se põe em movimento.

Basicamente, imagine colocar uma pedra para rolar morro abaixo. A pedra tem várias imperfeições. Ela vai até rolar, mas não vai descer em linha reta. Essas imperfeições também acontecem em pneus e rodas de carros. Quanto maior a velocidade, geralmente, menor é o impacto dessas imperfeições. Mas o volante vai sentir as “puxadas”, porque é o destino final de todo impacto que for dado nas rodas do veículo.

Todo balanceamento de rodas deve, necessariamente, envolver uma verificação do volante depois para garantir que ele está posicionado corretamente e alinhado com os pneus.

Cuidados com a direção puxando

Quando a direção está puxando, tem que descobrir a causa pois pode ser um problema que pode se agravar e causar até um acidente no médio e longo prazo. (Foto: www.trucktrend.com)

 

Volante torto em linha reta e alinhamento das rodas

Um volante torto em linha reta pode ser, na grande maioria das vezes, um problema de alinhamento das rodas. Não diretamente influenciado, mas sim, um problema de alinhamento relacionado.

Quando um mecânico vai alinhar as rodas de um veículo, o volante também deve ser alinhado junto ao sistema de direção. O bom mecânico deverá também verificar em um veículo o aperto dos parafusos da direção, pois a vibração causada por um sistema fora de alinhamento pode ter tirado o volante completamente do eixo. O proprietário tem que lembrar que o sistema todo é interligado e interdependente, e as vibrações e irregularidades são sempre repassadas por todo o sistema. Se tem algo errado em uma parte do sistema, todo o sistema vai sofrer com isso.

 

 

Direção torta, sistema suspensão e suporte do motor

Componentes de suspensão por si só não podem sozinho influenciar a direção de um veículo. No entanto, eles podem fazer com que as rodas oscilem, o que já sabemos, pode fazer com que o volante entorte e/ou puxe para os lados. O suporte do motor, que amortece a vibração do mesmo, também ajuda que o volante receba menos vibrações e mantém os parafusos no lugar. O sistema de suspensão inteiro, em perfeito estado de manutenção, tem a mesma função. Quando esses suportes e sistemas não são bem cuidados, a vibração irá toda para o volante, para os parafusos, e consequentemente, o volante ficará torto, sendo necessário um realinhamento e reaperto dos parafusos.

 

Desgaste nos pneus e volante puxando

Um pneu desgastado pode acabar puxando a direção para um lado ou para outro, dependendo do tipo de desgaste. Geralmente o desgaste também está associado ao desalinhamento e desbalanceamento dos pneus do carro. É necessário verificar todo o sistema, verificar o aperto de parafusos e realinhar o volante também após o alinhamento e balanceamento dos pneus.

Rolamento, homocinéticas e carro com direção irregular

Os rolamentos do volante e das rodas, e as homocinéticas das rodas, quando apresentam defeitos, podem ser responsáveis por causar a direção irregular. Um mecânico deve verificar essas peças por defeitos e falhas, para então efetuar a troca e corrigir o problema.

Problemas com o sistema elétrico da direção

Finalmente, está se tornando comum nos sistemas de direção hidráulica elétrica as falhas elétricas. O sistema, ao invés de usar todo um sistema hidráulico, faz uso de circuitos elétricos para transmitir ao volante a leitura dos movimentos do veículo. Em alguns casos, um sensor pode estar fazendo alguma leitura errada, ou pode haver alguma irregularidade no sistema causando solavancos ou “puxões” na direção. Ligue o veículo em um scanner automotivo e teste o sistema de direção hidráulica para verificar o sistema, garantindo que todos os sensores estão em bom funcionamento.

Seu volante está puxando e você não encontrou a resposta para seu problema aqui? Deixe nos comentários a descrição do seu problema e vamos dar uma sugestão de solução!

4 comentários para “Direção puxando para a direita? Volante torto ou alinhamento?”

  1. Orlando

    Tenho um gol g4 e quando estou dirigindo sozinho, o volante fica perfeitamente reto. Porém, quando estou com alguém no banco do passageiro, o volante “entorta” para o lado esquerdo. Já refiz o alinhamento/balanceamento várias vezes, inclusive em oficinas diferentes. Já fui ao mecânico várias vezes, e ele não encontrou nada de errado com o carro. O que pode causar este funcionamento?

    Responder
    • Equipe Carro de Garagem

      Orlando, é complicado diagnosticar por aqui.Mas, algo está ocorrendo com o seu veículo. Tente outra oficina com aparelhagem de teste mais completa.

      Responder
  2. Vilker

    Meu carro corsa classic 2004, quebrou a direção o mecanico trocou e colocou outra caixa de direção, mas o carro ficou com as rodas retas mas o volante ao contrario, o que pode ser?

    Responder
    • Equipe Carro de Garagem

      Vilker, pode ter sido instalado de forma errada. Converse com o mecânico que fez a troca.

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)