O Brasil é um dos maiores mercados de veículos no mundo. Esse mercado cresce a cada ano e, com essa expansão, mais e mais montadoras são atraídas para montar suas fábricas aqui, devido a vários fatores, principalmente a isenção de impostos e o baixo custo para a produção de um veículo para exportação em nossas terras.

Uma montadora vir para o Brasil também é vantajoso para o consumidor, que tem veículos mais baratos à sua disposição, a geração de empregos diretos e indiretos além de também trazer e agregar as tecnologias dos automóveis ao nosso país e nosso mercado.

A lista de montadora no Brasil só cresce. Atualmente temos várias fábricas espalhadas pelo Brasil, trazendo benefícios para cada uma das diferentes regiões de nosso país.

No Amazonas, na Zona Franca de Manaus, temos a presença das montadoras BMW (Dafra), Bramont (Mahindra), Dafra, Effa, Harley-Davidson, Honda, Haobao, Kasinski, Traxx, Triumph (que acabou de chegar no Brasil), Suzuki, Yamaha e Kawasaki. Como podem ver, a grande maioria é focada na produção de motocicletas. As fábricas tem incentivos fiscais muito bons e levam o desenvolvimento para este estado afastado do centro econômico do Brasil, o que é algo extremamente positivo na descentralização do poder financeiro brasileiro.

Na Bahia temos a fábrica da Ford e no Ceará, a fábrica da Ford focada na linha Troller. O nordeste é uma região que ainda peca muito em infraestrutura básica para o escoamento da produção das fábricas e, talvez por este fator, não tenha atraído mais fábricas ainda. Ainda é necessário um investimento em mão de obra qualificada, estradas, ferrovias e vias de escoamento da produção, algo que talvez mude com o PAC do governo.

Marcas presentes em nosso país

A quantidade de marcas da indústria automotiva cresce a cada dia mais em nosso país, que tem a economia aquecida e muito bem protegida conta a crise mundial. (Foto: zap.com.br)

Em Goiás, temos a presença das montadoras CAOA Hyundai, John Deere e Mitsubishi. O escoamento é favorecido por uma forte infraestrutura e a produção de máquinas agrícolas pela John Deere tem um mercado agrícola muito bom na região, que é um dos pólos de produção agropecuária de nosso país.

Em Minas Gerais, temos a CNH New Holland, Fiat, Iveco e Mercedes-Benz. Todas estas estão suportadas por pequenas e médias empresas que fornecem peças para a construção dos veículos, gerando mais empregos e trazendo uma boa geração de renda para as cidades onde elas estão localizadas, principalmente no caso da Fiat e sua afiliada Iveco na região da Grande Belo Horizonte. No caso da Mercedes-Benz em Juiz de Fora, a fábrica hoje faz parte da linha de produção da Daimler.

No Paraná, temos a CNH New Holland, Fiat, Nissan, Renault, VW e Volvo. Se envolvendo na guerra fiscal com os estados de Minas Gerais e São Paulo e com agressivos incentivos às montadoras, além de uma infraestrutura que suporta as fábricas, o estado do Paraná tem atraído muitos investimentos na área nos últimos anos, podendo se tornar em breve um pólo automobilístico muito importante na América Latina.

No Rio de Janeiro, temos a MAN VWCO e a PSA Peugeot-Citroën. Talvez a baixa atratividade das empresas seja pelo foco do estado do Rio de Janeiro mais voltado para a produção de petróleo e seus derivados e para o setor naval.

No Rio Grande do Sul temos a AGCO Massey Ferguson, Agrale, GM, International e John Deere. Com a grande demanda de máquinas agrícolas pelo estado e pela região sul do Brasil, é fácil constatar a construção destas fábricas na região. Mas curiosamente, ao redor delas as cidades não cresceram assustadoramente, se voltando mais mesmo para grandes plantações e investimentos agrícolas.

Terminando com nosso grande pólo automotivo no Brasil, em São Paulo temos a Caterpillar, CNH New Holland, Ford, GM, Honda, Hyundai, Karmann-Ghia* Komatsu, Mercedes-Benz, Scania, Toyota, Valtra e VW. O estado tem os melhores incentivos fiscais, a maior quantidade de mão de obra e a melhor infraestrutura para o escoamento da produção. Mas a descentralização já está acontecendo, uma vez também que as empresas não estão tendo mais onde construir suas fábricas no estado de São Paulo.

A tendência é que montadoras chinesas também cheguem em breve no mercado brasileiro. Eike Batista também já deixou clara sua intenção de uma marca de automóveis genuinamente brasileira. Precisamos é ficar atentos aos novos jogadores desse cenário automotivo no Brasil, o que é sempre bom para o consumidor.

2 comentários para “Lista completa das fábricas de cada montadora de veículos no Brasil”

  1. Fátima Ferreira

    Tenho uma irmã epilética(52 anos) e o sobrinho autista(17 anos), moram comigo o médico deu a carta para comprar um carro c desconto. Como posso pedir orçamento dos valores e de qual tipo de carro?

    Responder
    • André

      O carro tem que ser automático, zero km, e de até 70 mil. Sei disso pois meu avô comprou, e tenho um primo que tem. Acho que é só chegar na loja, e falar sobre a carta especial. Você precisa de diversos laudos para iniciar a papelada, o vendedor te dará os detalhes

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)