Há um número de situações onde os alarmes do carro podem definitivamente se mostrar necessários, mas encontrar o melhor alarme do carro para uma determinada situação pode parecer completamente complicado. Você não pode testar sempre um sistema de segurança do carro como você pode outros aspectos de um veículo, mas familiarizar-se com algumas informações básicas vai ajudar muito na hora de escolher um bom sistema de alarmes.

Melhor alarme automotivo do mercado: o básico

Enquanto mesmo o melhor alarme no mundo não pode parar todos os roubos, equipar seu veículo com um alarme vai torná-lo um alvo menos atraente para muitos ladrões. Há quatro fatores principais que podem ajudá-lo a resolver sobre o melhor alarme de carro para seu veículo. Alguns desses fatores são mais importantes do que outros, mas é importante levá-los em conta. Antes de comprar um alarme de carro, considere:

Sensores: os melhores alarmes de carro vem com uma variedade de sensores que são capazes de detectar um roubo em andamento através de uma variedade de meios.

Sirenes outro componente principal que um bom alarme precisa incluir é um dispositivo de ruídos, como uma sirene alta, acionada quando alguém tenta roubar o veículo.

Documentação: bons manuais de instalação, seja no pacote, ou online, são absolutamente vitais se você está pensando em comprar e instalar seu próprio alarme de carro.

Opções modulares: você pode comprar um alarme de carro e instalá-lo por conta própria, mas os melhores alarmes de carro são modulares, o que significa que você pode escolher os recursos que você precisa, ou instalá-los todos de uma vez e voltar e adicionar coisas que você quer mais tarde.

Como escolher alarme de carro

Um bom alarme não é aquele que só faz barulho. Ele deve possuir sensores e componentes que, ativamente, influenciam na hora de garantir a segurança do seu veículo. (Foto: forza customs)

Qual o melhor alarme automotivo: os sensores

Como os sistemas de segurança do carro dependem de uma variedade de sensores para detectar a presença de um ladrão, este é o fator mais importante a considerar. Os alarmes de carro básicos vem apenas com sensores de porta, mas sistemas mais caros podem ser muito mais complexos. Alguns dos sensores mais comuns incluem:

Sensores de porta: ativam o alarme quando um ladrão tenta abrir a porta.

Sensores de movimento: ativam o alarme quando o veículo é batido ou movimentado.

Detectores de janelas quebradas: ativam o alarme quando uma janela é quebrada através de um microfone que detecta quebra de vidro, ou um sensor de pressão para detectar a mudança na pressão resultante da quebra da janela ou vidro.

Sensores de movimento: ativa o alarme ou emite um aviso sonoro quando o movimento for detectado próximo ao veículo.

Se você está com um orçamento apertado, um alarme básico que só tem sensores de porta é melhor do que nada. No entanto, é muito fácil para os ladrões contornar esses sistemas ao apenas quebrar uma janela. Se você quiser evitar isso, você precisará de um sistema que inclua um microfone ou sensor de pressão. Sensores de movimento também podem ser úteis, uma vez que irão disparar o alarme se um ladrão movimenta seu veículo para trás e para frente ou de um lado para o outro.

Sensores de movimento são úteis se você tiver um conversível, uma vez que permitem que você deixe o teto baixo. Estes sensores são difíceis de calibrar adequadamente, e qualquer movimento dentro ou perto do veículo fará com que o alarme dispare. Isso significa que um vento forte e algumas folhas muitas vezes desencadeia um falso positivo, o que não vai fazer você muito popular com os vizinhos.

Sirenes de alarmes automotivos

Depois que você decidir sobre os sensores que você precisa, você pode começar a pensar sobre a sirene. O objetivo principal da sirene é chamar a atenção para o seu veículo, o que pode fazer o ladrão abandonar a tentativa em favor de alvos mais fáceis. No entanto, a própria sirene também pode dissuadir o ladrão de entrar em seu veículo ou afastá-lo. Algumas sirenes são projetadas para ser montadas dentro da cabine do veículo, caso em que elas podem gerar um nível de som que é realmente doloroso para o ladrão.

Instalar o alarme por conta própria ou contratar um profissional?

Instalar um alarme de carro não é exatamente impossível, mas a dificuldade é muitas vezes agravada por conta de manuais pobres e com pouco material. Se você pretende poupar algum dinheiro com uma instalação caseira, então é vital olhar para a documentação disponível antes de fazer uma compra. Muitos alarmes baratos de carro trabalham muito bem uma vez que estão instalados, mas podem não ter um bom suporte de documentação. E se você não pode dizer quais fios para cortar ou emendar, a sua instalação caseira para poupar dinheiro pode se transformar em uma verdadeira dor de cabeça muito rapidamente.

Alguns alarmes de carro vem com documentação excelente, e alguns varejistas até mesmo fornecem suporte ao usuário final para ajudá-lo através do processo de montagem. Se você não tem acesso aos diagramas de fiação detalhados para o seu veículo, e você não instalou um alarme de carro antes, esse tipo de apoio é indispensável.

Recursos adicionais de proteção contra furtos

Se você estiver procurando além do básico, há uma série de recursos úteis que podem ser integrados em um alarme de carro. Alguns dos recursos que você pode procurar incluem:

Controles FOB ou aplicativos: a maioria dos alarmes de carro vem com uma chave que permite que você ative e desative o sistema, mas alguns dos melhores alarmes de carro também incluem recursos como controle a partir de aplicativos.

Partida remota: uma das características de alarme de carro adicionais mais úteis que você pode encontrar, um acionador de partida de carro remota permite que você, com segurança, ligue seu carro sem destravar as portas ou mesmo sair de sua casa.

Controlo de bloqueio de porta: se o seu carro não vem com travas automáticas, você pode adicioná-las como parte de um sistema de segurança. Alguns sistemas também podem acionar bloqueios automáticos existentes se você ainda não tiver um controle remoto.

Prioridade de desbloqueio do condutor: permite-lhe desbloquear remotamente apenas a porta do condutor, deixando o resto das portas bloqueadas com segurança.

Controles de janelas: alguns sistemas de segurança de alarme de carro podem se ligar aos seus vidros elétricos, permitindo que você opere-os remotamente.

Rastreador GPS: geralmente tem que ser comprado em conjunto com a assinatura de um serviço. Os melhores serviços incluem acionamento automático da polícia caso o carro seja roubado.

Mesmo se você está apenas procurando um alarme básico agora, comprar um sistema que tem uma ou mais portas e que seja modular pode permitir que você transforme-o no melhor alarme possível. Isso permitirá que você adicione sirenes a seu sistema de segurança.

É bom lembrar que quanto mais recursos, mais caro será o sistema. Portanto, prepare seu bolso para surpresas e para obter o melhor valor pelo seu investimento.

Você tem um bom sistema de alarme? Instalou por conta própria ou pagou alguém para instalar? Qual foi o custo da instalação?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)