Motociclismo tem uma aura inconfundível de romantismo. Os motociclistas ávidos dirão que não há nada como dirigir em uma estrada aberta sobre duas rodas, com o vento batendo em todo o seu corpo e menos obstruções para atenuar a experiência sensorial de correr pela estrada. Mas essa emoção pode ser perigosa se você não for cuidadoso.

Quando as motocicletas se chocam, os motociclistas se machucam. Nos acidentes com um único veículo, os motociclistas são feridos 96% do tempo. Os pilotos de motos são pelo menos 35 vezes mais propensos a serem mortos em um acidente do que pessoas em veículos de passageiros como carros e picapes, que oferecem mais proteção. Isso não impede que as pessoas continuem a querer dirigir motos, e o número de motoristas de motos nas ruas só aumenta..

Mais motociclistas significam mais chances de calamidades horríveis em duas rodas. Mas muitos acidentes de moto são evitáveis ​​e, mesmo em casos inevitáveis, existem precauções que podem ajudar a reduzir a gravidade dos ferimentos. Continue lendo e você verá algumas maneiras de tornar suas viagens de motocicleta mais seguras para você e seus companheiros de viagem. Afinal, não há nada de romântico em quebrar seu corpo em pedaços.

Andar de moto é um trabalho mental

Motocicletas não são brinquedos de transporte para os distraídos ou com raiva. Sem o vidro de proteção e o metal que vem com a condução, digamos, de uma picape ou um carro, uma mente clara é o seu principal escudo contra danos. Se você está se sentindo muito distraído, emocional, doente ou apenas cansado, é melhor deixar a moto na garagem até encontrar sua tranquilidade novamente. Caso contrário, é muito mais provável que você cometa um pequeno erro que pode ter grandes consequências.

Verifique a moto antes de andar

PCLOCS. Essa é uma sigla para Pneus, Controles, Luzes, Óleo, Chassi e Suportes. É a inspeção de segurança rápida que você deve executar antes de andar.

Se você não consegue lembrar qual é o acrônimo, talvez queira imprimir uma lista de verificação de inspeção de segurança de uma oficina mecânica. Você pode verificar a moto para uma série de possíveis problemas, desde pneus gastos e fios desgastados até vazamentos de óleo.

Felizmente, poucos acidentes de motocicleta fatais são devido a problemas com a moto. Mas manter o controle dos seus pneus e freios, entre outros componentes vitais, lhe dará paz de espírito e também vai evitar que você fique encalhado na lateral da rodovia com uma máquina com defeito.

Como dirigir uma moto devagar e sempre?

Com a rodovia passando por baixo de suas botas, é fácil se envolver com a emoção da experiência da motocicleta. Mas puxar no acelerador e disparar à velocidade da luz é, digamos assim, uma corrida bastante insegura.

Mais de 1/3 dos motociclistas que morreram em acidentes estavam viajando acima dos limites de velocidade. A velocidade excessiva oferece menos chances de corrigir erros de todos os tipos. Além disso, muitos pilotos calculam erroneamente sua velocidade nas curvas, e é por isso que muitas pessoas morrem simplesmente porque saem da estrada.

Desacelerar e permanecer em velocidade com o tráfego ao seu redor é uma ótima estratégia para a sobrevivência. Se você precisa acelerar, junte-se a um clube de corrida e consiga sua adrenalina ao acelerar em um percurso fechado.

Dirigindo motos

Dirigir sua moto com segurança vai garantir uma menor probabilidade de acidentes com o veículo. (Foto: Autoevolution.com)

Como pilotar uma moto se tornando visível?

As motocicletas são muito superadas em número por outros veículos de passageiros. Eles são apenas cerca de 1% dos veículos na estrada, mas representam 10% das mortes no trânsito. Uma razão pela qual tantos motociclistas morrem é que outros motoristas simplesmente não os veem. As motocicletas são tão pequenas que se encaixam perfeitamente em pontos cegos, e muitos motoristas simplesmente não estão prestando atenção. Ambos os fatos condenam alguns motociclistas a choques feios.

Torne-se o mais visível possível. A maioria das lojas de motocicletas vendem coletes de segurança de alta visibilidade com cores neon e faixas refletivas que se destacam muito melhor do que as jaquetas de couro pretas.

Considere instalar um modulador de farol de motocicleta. Este dispositivo faz seu farol piscar rapidamente, quase como uma luz estroboscópica, e chama a atenção de outros motoristas, mesmo em plena luz do dia.

Ser visto é estar seguro. Ficar colorido pode não ser legal, mas garante sua segurança sempre.

Pratique seu pânico para estar preparado na pilotagem

Nos bons dias, quando todos na estrada estão dirigindo de maneira segura e amigável, o motociclismo é uma tarefa bastante fácil. Mas esses dias são raros, o que significa que muitas vezes você tem que se esquivar de outros veículos para evitar um acidente.

Em um carro, quando o pânico acontece, você pode girar rapidamente um volante e bater nos freios ABS. Os motociclistas, no entanto, devem torcer seus corpos e encontrar um equilíbrio entre frenagem e direção afim de evitar colisões e também para evitar deslizamentos ou voar sobre o guidão. Essas manobras não são naturais para a maioria dos pilotos.

Isso significa que você tem que praticar a frenagem e a direção de emergência em um estacionamento vazio, é claro. Repetição treina seu corpo e mente para controlar o peso significativo de sua moto, não importa a situação. E mais tempo de pilotagem significa que você está mais familiarizado com a moto como um todo também.

Antes de um cruzamento, inspecione!

Em cerca de 70% dos acidentes com dois veículos envolvendo motocicletas, o motorista dos carros de passeio simplesmente não viram o veículo de duas rodas. Em dois terços desses acidentes, o motorista do carro violou o direito de passagem do motociclista e, como resultado, causou a colisão.

Cruzamentos são particularmente perigosos. Quando os outros motoristas não veem as motos, eles costumam fazer curvas na frente deles ou até mesmo sobre a própria motocicleta.

Fique atento e cauteloso ao prosseguir pelos cruzamentos. Inspecione todas as partes da interseção antes de entrar, e se um veículo vindo da direção oposta parecer estar planejando virar à esquerda, desacelerar e preparar-se para manobras evasivas. Ande na defensiva e como se outros pilotos nunca o vissem. Ao fazê-lo, você pode desviar de uma colisão.

Deixe de lado os calçados delicados

Se você está sempre tentado a usar sandálias abertas, calçados delicados e camisas de manga curta enquanto anda de moto, pense em queijo. Isto é, pense em sua pele como um bom queijo macio e na estrada como um ralador de queijo, cheio de bilhões de dentes pequenos e afiados.

Você já sabe que acidentes de motocicleta de apenas um veículo quase sempre resultam em algum tipo de lesão, sejam pequenas lacerações ou arranhões, ou ossos quebrados e feridas abertas na pele. Mas usar o equipamento adequado pode reduzir significativamente e, em alguns casos, até evitar lesões.

Use botas de motociclista sólidas para evitar queimaduras nos canos de escapamento e batidas dolorosas nos dedos dos pés. Proteja suas mãos com luvas grossas e braços e pernas com equipamentos de boa qualidade, como capas e jaquetas de couro. Todas as lojas de motocicletas oferecem roupas que protegem sua pele e muitas vezes vendem itens projetados para serem respiráveis ​​mesmo em climas quentes. Algumas jaquetas têm armadura ultra forte integrada no tecido para protegê-lo em caso de colisão.

Mesmo o melhor equipamento não pode salvá-lo em um acidente muito ruim. Mas, no caso de uma colisão menor, uma proteção muito boa pode significar a diferença de ir para casa e passar semanas em uma sala de recuperação.

Não devaneie na hora de pilotar

Se você já fez uma longa viagem de carro, sabe como sua mente se desloca enquanto você navega pelas rodovias. Mas os carros são mais indulgentes do que as motocicletas, e as férias mentais enquanto você está pilotando podem acabar em um caro trajeto de ambulância.

Use a estratégia de Procura, Avaliação e Execução (PAE) para manter sua mentes engajadas em viagens curtas ou longas. Na procura, você usa seus olhos para monitorar continuamente as condições da estrada e do trânsito. Você avalia todo risco potencial. E você rapidamente desenvolve e executa ações para evitar problemas. Em suma, você só precisa manter seus olhos e sua mente na estrada. Ao antecipar problemas, você pode realmente evitá-los.

Esqueça as bebidas ao pilotar uma moto

Se você beber, não pilote uma moto. 29% dos motociclistas em acidentes fatais tiveram concentrações de álcool no sangue acima dos limites legais. O álcool diminui o tempo de reação e atrapalha o seu julgamento. Em outras palavras, quando você bebe e pilota, é mais provável que você cometa erros e sua velocidade de reação diminuída significa que você pode não se recuperar a tempo de evitar um acidente.

Então, se você for beber, não dirija. Sua família e todos os outros na estrada apreciarão isso.

Use um capacete fechado de boa qualidade

Muitas pessoas evitam o uso de capacete adequado ou ostentam sua negação de comprar um capacete de qualidade por diversas razões, como alegar que os capacetes obstruem sua visão e audição, o que é uma balela.

Seja qual for a sua posição sobre o uso de capacete, os dados empíricos sobre a eficácia do capacete são difíceis de discutir: capacetes salvam vidas. Mas você não pode usar qualquer capacete. Capacetes completos (com protetor de queixo) e capacetes aprovados pelo INMETRO são sua melhor opção, indicando produtos que estão em conformidade com altos padrões de segurança. Pesquise por marcas bem avaliadas no Brasil e no mundo para encontrar os melhores modelos.

Não seja uma estatística clichê. Nenhuma parte do seu cérebro, ou seu corpo, precisa encontrar o asfalto em alta velocidade. Ande de forma defensiva, vá devagar e mantenha os olhos na estrada, e você irá para o pôr do sol em vez do hospital.

Como vocês pilotam suas motos? Quais dicas de segurança acham mais importantes?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)