Rodas de bicicleta tem diferentes configurações para diferentes usos. Uma roda de bicicleta para trilhas é diferente de uma roda de bicicleta para ruas e estradas. Mas tudo vai começar a partir do tamanho dos aros das bicicletas, e não pelo tipo de roda.

Rodas bicicleta aro 20, Rodas bicicleta infantil, Rodas bicicleta speed…

Esses são os termos pesquisados pelos leigos. Eles são termos genéricos, usados para facilitar a identificação de um tipo de roda para um uso específico. Mas se você quer saber realmente as diferenças entre as rodas de bicicletas, temos que separar os elementos que compõe uma roda de bicicleta: aros e pneus. Afinal, escolher uma roda não pode ser tão simples quanto escolher um cadeado para sua bicicleta.

Tamanhos do aro da bicicleta

O tamanho da roda é a medição do diâmetro da roda com um pneu montado. Normalmente, o tamanho está escrito na parte lateral do pneu. Por exemplo, ele pode ter 26 polegadas por 2,2 polegadas, um tamanho típico de mountain bikes.

Os aros e pneus são categorizados em tamanho por seu uso primário para o ciclismo de estrada, fora da estrada, viagens e BMX. Por exemplo, aros utilizados para acrobacias e saltos em BMX serão menores e resistentes para as cargas adicionais colocadas sobre eles.

Mountain bikes tem geralmente 26 polegadas (559 mm) ou 29 polegadas (622 milímetros) de tamanho. O tamanho maior é frequentemente usado em bicicletas que serão usadas em montanhas maiores. Bicicletas para viagens e bicicletas de lazer tem muitas vezes o mesmo tamanho. Bicicletas de estrada, de viagens e a maioria das bicicletas híbridas podem ter pneus de 29 polegadas (700 milímetros), que são muito mais finos, com geralmente 18-25 mm de largura.

O aro de diâmetro maior roda com mais facilidade do que os menores, embora alguns triatletas e atletas multi esporte agora usam rodas de 650 milímetros, que têm menos massa em rotação. Bicicletas de estrada mais antigas podem ter pneus de 27 polegadas. Bicicletas BMX tem aros geralmente em dois tamanhos, de 20 polegadas (500 milímetros) ou 24 polegadas (600 milímetros).

O tamanho do aro de bicicletas infantis é diferente e irá variar de acordo com a idade da criança. Crianças com idade entre 3 e 5 anos geralmente precisam de rodas de 12 polegadas (300 milímetros), enquanto crianças entre 5 e 7 anos podem exigir aros de 16 polegadas (400 milímetros) e crianças de 7 a 10 anos, aros de 20 polegadas (500 milímetros). Crianças com mais de 10 anos geralmente conseguem lidar com bicicletas de 24 polegadas (600 milímetros) ou até 26 polegadas (700 milímetros), de tamanho semelhante às rodas de bicicletas para adultos.

Resumindo: aros maiores e mais largos são ideais para mountain bikes e bicicletas para terrenos acidentados. Aros maiores e mais finos, bicicletas de viagem e de velocidade. Aros menores e mais largos, bicicletas para crianas e bicicletas de BMX.

Tipos de pneus de bicicleta

Cada tipo de pneu e aro de bicicleta tem um fim diferente, que atende a diversos usos e estilos de ciclismo. (Foto: www.saigoncycles.com)

Tipos de aro de bicicleta

Basicamente, dois tipos de aro: liga leve e de raios. Dentro dessas duas escolhas, há muitas pequenas características que devem ser consideradas, mas com uma coisa em mente: aros com raios são feitos para terrenos acidentados e off road, aros de liga leve são feitos para velocidade, ruas, e estradas pavimentadas.

Material do aro – Vai desde o aço reforçado até a fibra de carbono. Os materiais mais leves são mais caros, mas tem maior durabilidade.

Estrutura do aro – Também chamado de “perfil” do aro. É, basicamente, o formato do aro da bicicleta, que leva em consideração fatores como uso, carga, aerodinâmica, tipo de pneu usado, tipo de freios. Os aros mais resistentes para uso off road tem paredes duplas, com um espaço vazio entre as paredes, e são mais largos. Os aros mais apropriados para melhor aerodinâmica tem camadas duplas, mas com maior espaçamento entre elas, e menor largura.

Estrutura do aro para freios – O aro tem que ter estrutura apropriada para seu tipo de freio. Por exemplo, se você usa um freio a disco, o suporte central do aro tem que aceitar o disco do freio. Se o freio for direto na roda, a “banda de frenagem” tem que ser suficiente para a estrutura do freio que você usa.

Tipos de pneus para bicicletas

O tamanho do pneu é definido pelo tamanho do aro. Os diferentes tipos de pneus para bicicletas combinam duas características básicas: estrutura e finalidade.

Estrutura do pneu para bicicleta – O pneu tradicional tem uma estrutura em forma de “U”, onde a câmara do pneu é inserida no meio dessa estrutura, entre o pneu e o aro. Nesse tipo de pneu, há uma saliência lateral que se “encaixa” na estrutura apropriada do aro para firmar o pneu. O pneu tubular não tem essa saliência lateral, e se encaixa nos aros com o uso de cola especial. A diferença entre os dois está no peso e no preço: pneus tradicionais são mais baratos e pesados, e pneus tubulares são mais caros e leves.

Finalidade do pneu para bicicleta – Três usos possíveis: misto, fora da estrada, e na estrada. Os pneus de uso misto tem sulcos não muito protuberantes, para um desempenho equilibrado dentro e fora da estrada. Pneus fora da estrada tem sulcos maiores, geralmente pequenos “quadrados” e outros tipos de saliências que aumentam a aderência dos pneus em terrenos irregulares. Pneus de estrada são lisos, com poucos sulcos, mais voltados para evitar a aquaplanagem e trabalhar a aderência da bicicleta.

Qual roda escolher para minha bicicleta?

Você terá de fazer uma combinação desses elementos, equilibrando o que é melhor para seu estilo de ciclismo, bem como a segurança na pilotagem. Mas tem que ter a consciência que fazer uma escolha vai desequilibrar uma outra característica da bicicleta. Como assim?

Se eu escolho uma roda “speed”, com aros mais finos, maiores, e pneus lisos, eu ganho velocidade na bicicleta, mas perco em aderência. Isso significa que em terrenos irregulares e estradas muito sujas ou úmidas, será quase impossível pilotar essa bicicleta.

Se eu escolho uma roda para uso misto, com largura e tamanhos normais para um adulto, não vou atingir velocidades mais altas, mas consigo manter aderência com mais facilidade. Também, não vou poder fazer manobras com a bicicleta.

Pese bem o que você gosta de fazer com a bicicleta na hora da escolha. E quando escolher, volte aqui nos comentários para compartilhar o que você achou como melhor decisão para a roda da sua bicicleta!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)