Assim como o dos automóveis, o setor de motocicletas é bastante concorrido. Com o desenvolvimento tecnológico sempre em evolução, as montadoras passam a equipar seus produtos cada vez mais com inovações.

Há tempos a Yamaha não investia em novidades para o seu modelo R1, o que fez com que ele perdesse cada vez mais espaço para os seus concorrentes. Porém, para 2013, a marca deu um up no modelo.

A nova Yamaha YZF-R1 traz como principal novidade o controle de tração. Novidade apenas para o modelo da marca,  já que alguns dos seus concorrentes já possuem essa tecnologia há algum tempo.

Esse sistema é baseado na tecnologia utilizada nas motos da marca que participam do Mundial de Moto GP. Sua principal função é impedir que a roda traseira perca tração e assim, evitar derrapagens.

O controle de tração possui 6 modos (do mais fraco para o mais forte) e é realizado através de um botão localizado no punho esquerdo. Há também opção de manter o sistema desligado. A troca pode ser realizada com a moto em movimento, mas não durante a aceleração.

Cores da Yamaha YZF-R1

Nova Yamaha YZF-R1

Traseira da Yamaha YZF-R1

Traseira da nova Yamaha YZF-R1

Além do sistema acima, a moto também apresenta 3 opções de potência: A (forte), Standart (médio) e B (fraco). A Yamaha R1 2013 é equipada com motor de 4 cilindros que gera 182 cv de potência máxima e 11,8 kgfm de torque.

Outra novidade é que o modelo sofreu mapeamento do motor e agora é adaptada à gasolina brazuca, o que possibilitou usufruir da capacidade máxima do motor.

Suas dimensões são: 2,07 m de comprimento, 1,42 m de entre-eixos, 71,5 cm de largura, 1,13 m de altura. O tanque de combustível tem capacidade para 18 litros.

Frente da Yamaha YZF-R1

Frente da nova Yamaha YZF-R1

Painel da Yamaha YZF-R1

Painel da nova Yamaha YZF-R1

Esteticamente, a R1 não sofreu grandes alterações, foi apenas reestilizada. Ganhou novos faróis, nova carenagem, novo escapamento, novo painel e novas pedaleiras. Segundo a marca, a moto também ficou mais estável.

Infelizmente, a YZF-R1 não possui freios abs o que pode comprometer o número de vendas, uma vez que alguns concorrentes são equipados com esse item.

Seus principais concorrentes são a BMW S 1000 RR (R$ 70 mil), a Kawasaki ZX-10R (R$ 60 mil), a defasada Suzuki GSX-R1000 (R$ 57 mil), a Ducati 1098 (R$ 56 mil), MV Agusta F4 (R$ 68 mil) e a Honda CBR 1000RR Fireblade (R$ 58 mil).

A Yamaha R1 2013 já está a venda, custa R$ 61.490 e está disponível nas cores preta, branca e azul.

Aproveite e veja quais as motos mais vendidas no país e uma opção bem mais em conta de esportiva, a Honda CBR 250R.

Um comentário para “Nova Yamaha YZF-R1”

  1. Ismael

    Perfeita pra minha regiao
    Gostei…

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)