Grande parte dos proprietários de veículos gostam de passar algum dia do fim de semana lavando o carro, ouvindo uma música e até bebendo uma cervejinha. Alguns preferem levar o carro para lavar e outros ficam na dúvida do que compensa mais: lavar o carro em casa ou no lavajato.

Independente da sua escolha, é preciso saber que há alguns cuidados que devem ser tomados na hora de lavar o carro. Se for lavado da maneira errada, pode haver danos na pintura e até no motor.

Ao levar o veículo em algum estabelecimento que realiza a limpeza do mesmo, tente verificar quais os produtos que são utilizados. Há produtos específicos para cada parte do veículo: interior, lataria e rodas.

Essa opção é mais recomendada para quem não tem tempo ou paciência. Também se o veículo estiver muito sujo e seja necessário fazer uma limpeza geral, no estofado, teto, etc.

Quem optar por lavar o carro em casa, nunca utilize sabão em pó, o melhor é shampoo automotivo ou sabão neutro e em pouca quantidade. Nos vidros, quem preferir pode usar os famosos limpa vidros.

No interior, nas partes plásticas, muitas pessoas e estabelecimentos utilizam silicone. Esse produto não é recomendado porque a maioria contém álcool o que acaba ocasionando ressecamento, manchando ou clareando o material. O recomendado é aplicar cera de carnaúba que é natural, não agride e ainda revitaliza o plástico.

Lavagem automotiva

Apesar de trabalhoso, lavar o carro em casa pode ser a melhor opção

Nos pneus, muitas pessoas utilizam silicone mas o ideal é o famoso pretinho. O silicone, mesmo depois de muito tempo, absorve poeira e sujeira. Além disso, fica aquela textura grudenta, pegajosa. já o pretinho não tem esse problema, depois de uns 10 minutos o produto já está seco e não acumula sujeira.

Após lavar o carro ou levá-lo no lava rápido, é necessário sempre secá-lo utilizando um pano limpo e macio. Não se deve deixá-lo secando ao sol ou à sombra pois, podem ocorrer manchas na pintura.

Se quiser dar melhor acabamento ainda e deixar o carro num brilho só, aproveite para encerar. Atualmente há diversas opções de cera: em pasta, líquida ou spray. Todas têm a mesma finalidade e produzem o mesmo efeito. O ideal é aplicá-la 1 vez ao mês ou a cada 2 meses para proteger a pintura do desgaste provocado pelo sol e poluição, além de sujeiras de pássaros e árvores.

Para quem decidir lavar o carro em casa, abaixo seguem mais algumas dicas:

  • Lave o carro, de preferência, sempre na sombra e com a carroceria fria. Caso contrário, o produto de limpeza pode secar rápido e causar manchas.
  • Antes de limpar, dê uma boa enxaguado no veículo retirando toda a poeira e sujeira. Só depois inicie a limpeza com detergente ou shampoo automotivo.
  • Comece de cima para baixo e por partes: teto, laterais, capô, traseira, para-choques, rodas e pneus.

Se o motor estiver muito sujo, não limpe você mesmo. Leve ele em algum lugar especializado para não haver riscos de danificá-lo. Essa limpeza pode ser realizada uma vez por ano.

Veja também como conseguir um seguro automotivo mais barato e como é realizada a limpeza dos bicos injetores.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)