Para ter um veículo, é preciso manter a documentação em dia. No processo de compra e venda, é preciso ter em mãos o Documento Único de Transferência, conhecido pela sigla DUT. Mas o que fazer caso você não encontrar mais esse documento?

Caso você tenha sido descuidado perdendo o documento e não sabe mais onde guardou, ou teve esse documento roubado, vamos saber como tirar a segunda via dele.

O que é DUT?

É importante, antes de mais nada, entender a função do DUT. É o documento responsável por comprovar que um veículo é sua propriedade.

Ao comprar um veículo zero ou usado, você vai receber esse documento. Ele não tem data de vencimento, e não é substituído anualmente após o pagamento do licenciamento.

O DUT não é um documento exigido em blitz, e não é necessário ter o documento no veículo. É um documento que deve ser guardado em casa e em segurança.

Quando o DUT é utilizado?

O proprietário de um veículo fará uso do DUT quando for vender ou veículo ou ao passar a propriedade do mesmo para um terceiro, como um cônjuge, filho ou familiar. O DUT deve ser assinado, com assinatura reconhecida em cartório, e levado até o DETRAN para a emissão de outro DUT em nome do novo proprietário.

Função do DUT

Se você perdeu o DUT, precisa de uma nova via para poder realizar a transferência ou venda de seu veículo. (Foto: YouTube)

Como tirar a segunda via do DUT?

Você deve seguir alguns passos para garantir que o DUT tenha a segunda via feita corretamente.

1º passo: Boletim de ocorrência

Você deve ir a uma delegacia e registrar um boletim de ocorrência sobre a perda ou roubo do seu DUT, evitando que alguém que tenha posse do DUT possa fazer algo contra você.

2º passo: documentos

Para tirar a segunda via do DUT, você precisará dos seguintes documentos, original e cópia:

RG

CPF ou CNPJ, no caso do veículo estar em nome de empresa

Requisição de segunda via do DUT no site do DETRAN de seu estado

3º passo: solicitação no DETRAN

Você pode fazer a solicitação online, em alguns DETRANs, assim como efetuar o pagamento para a emissão da segunda via do DUT. Lembre-se de manter seu endereço atualizado. No caso do DETRAN de seu estado não disponibilizar essa opção online, você deverá comparecer presencialmente ou representado por um terceiro com procuração a um DETRAN mais próximo para solicitar a segunda via do DUT.

4º passo: vistoria e entrada no pedido

O DETRAN realizará então uma vistoria no veículo. Geralmente a vistoria é feita em um local diferente da unidade do DETRAN, então se prepare para ser direcionado ao local. Você deverá entregar seus documentos e preencher o formulário RENAVAM, que é o Registro Nacional de Veículos Automotores. Você deve então pagar o boleto referente à segunda via.

5º passo: aguardar

O documento será enviado para o endereço no qual o veículo está registrado. Você pode andar normalmente com o veículo, desde que os outros documentos estejam em dia.

Esperamos ter tirado todas as dúvidas referentes a segunda via do DUT. Não demora muito para tirar essa segunda via, o processo é bem simples e não há problemas em circular com o veículo sem o DUT tirado, o que pode te dar um tempo de economizar até ter o dinheiro para tirar a segunda via.

Caso você ainda tenha alguma dúvida, deixe suas perguntas nos comentários abaixo.

Marcadores: ,

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)