Saber como fazer a chupeta em um carro é uma habilidade útil para ter e muitas teorias existem sobre o que é seguro e o que não importa. Mas há uma concordância sobre carros que o método mais seguro para fazer a chupeta em o seu carro deve evitar a possibilidade de explosões e outros perigos. Não é difícil fazer a chupeta da maneira correta, uma vez que você sabe como fazê-lo.

Primeiro passo

Tenha em seu equipamento do kit de ferramentas de seu veículo: um cabo de força para a chupeta e um par de luvas isolantes de eletricidade. Óculos de proteção de equipamentos de segurança podem ser também uma opção para o caso de faíscas.

Segundo passo

Coloque o carro que você está usando para fazer a chupeta para a frente do carro com a bateria descarregada. Os veículos precisam estar perto o suficiente para os cabos de ligação chegarem, mas não deixe as peças dos carros se tocarem. Desligue o motor dos carros e todos as coisas que utilizem eletricidade, tais como rádios, luzes, piscas e mais em ambos os veículos.

Chupeta na bateria

Use luvas para proteger suas mãos e espere o motor esfriar um pouco para não se queimar. (Foto: imperialcentrocar.com)

Terceiro passo

Coloque os cabos de ligação no chão entre os dois carros. Mantenha as pontas vermelhas e pretas de cada extremidade longe de se tocarem. Identifique quais são os pólos positivos e negativos de cada bateria, abrindo o capô do motor dos veículos. Coloque as luvar para poder começar a ligar os cabos.

Quarto passo

Prenda a ponta vermelha ou positiva dos cabos de ligação mais próximos da bateria descarregada para o terminal positivo da bateria descarregada, com firmeza. O terminal é marcado com um sinal de mais (+) ou tem vermelho em torno dele. Mexa um pouco para ter certeza que a conexão é boa. Alguns veículos tem uma proteção plástica que deve ser retirada antes da conexão. Outros, podem ter um tipo de crosta formada sobre o metal, que deve ser tirada antes de fazer a conexão. Você pode usar uma ferramenta pontiaguda para tirar um pouco da crosta. A garra tem que ficar presa à peça de metal que fica ao redor da conexão na bateria e não diretamente ao conector.

Quinto passo

Fixe a conexão vermelha na outra extremidade dos cabos ao terminal positivo da bateria do carro que está com a bateria carregada. Verifique se a conexão está firme mexendo um pouco lá também.

Sexto passo

Prenda o lado preto do cabo de ligação ao terminal negativo da bateria no automóvel seguindo o mesmo procedimento como no passo anterior. O terminal negativo está rodeado por preto ou é marcado por um sinal de menos (-).

Sétimo passo

Encontre um espaço metálico, não pintada no motor do carro com a bateria descarregada como um parafuso ou o suporte no alternador. Prenda o restante preto da extremidade do cabo nele. Verifique se o cabo não irá interferir com quaisquer cintos ou peças móveis quando o motor estiver funcionando novamente. Conectar o cabo negativo de um solo ao invés da bateria mantém o risco de uma explosão nas proximidades de hidrogênio a partir da bateria.

Oitavo passo

Ligue a ignição no carro com a bateria cheia e permita que ele carregue a bateria descarregada. Deixe funcionando normalmente durante cinco minutos e, então, aumentar a carga que passa através dos cabos, empurrando o acelerador com um aumento de cerca de 1500 RPM durante 10 minutos. Note que é importante que alguém fique do lado de fora com um extintor de pó químico para vigiar o que  está acontecendo e impedir que qualquer coisa errada aconteça. Ao menor sinal de problemas, pare imediatamente e desligue o carro.

Chupeta de bateria

Recomendamos que mais de uma pessoa esteja envolvida ao fazer a chupeta, evitando assim problemas que possam ocorrer. (Foto: smartdriving.co.uk)

Nono passo

Acione a ignição no carro com a bateria descarregada e veja se ele irá pegar e o motor começar a funcionar. Isso garante que o alternador no carro com as a bateria fraca continue a recarregando.

Décimo passo

Retire o cabo de ligação termina na ordem inversa de como você os colocou: preto do motor com a bateria descarregada, preto do carro carregado, vermelho do carro carregado e vermelho do carro com a bateria descarregada. Mantenha as extremidades afastadas de se tocar para reduzir o risco de choque elétrico.

Observações

Você deve entender bem os motivos que levaram sua bateria a descarregar. Pode ser que seu carro ficou muito tempo parado, a bateria pode estar velha, o alternador pode não estar funcionando muito bem. Em carros novos o problema também pode acontecer, e você deve acionar a garantia o quanto antes. Você deve levar seu carro a um mecânico especializado na parte elétrica de um veículo, afim de confirmar qual pode ter sido o problema que causou a descarga da bateria. É uma manutenção importante e que pouca gente se importa, mas que pode causar uma dor de cabeça bem chata quando falhar e não tiver ninguém para te ajudar.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)