Manter o alinhamento adequado é fundamental para preservar a segurança do seu carro e sua vida útil. Os alinhamentos das rodas garantem que as quatro rodas são consistentes entre si e são otimizadas para o contato máximo com a superfície da estrada. E a cambagem de pneus é essencial para manter esse alinhamento. Vamos entender mais a fundo sobre ela.

O que é cambagem?

O ângulo de cambagem é a medida em graus da diferença entre o alinhamento vertical das rodas perpendicular à superfície. Se uma roda é perfeitamente perpendicular à superfície, sua cambagem é de 0 graus. A cambagem é descrita como negativa quando o topo dos pneus começa a inclinar-se para dentro em direção ao pára-choque. Consequentemente, quando o topo dos pneus começa a se inclinar para fora do veículo, ela é considerada positiva.

A curvatura negativa está se tornando cada vez mais popular devido ao seu apelo visual. As vantagens reais para curvatura negativa são vistas nas características de dirigibilidade. Um motorista agressivo aproveitará os benefícios de uma maior aderência durante curvas pesadas com a cambagem negativa. No entanto, durante a aceleração direta, a cambagem negativa reduzirá a superfície de contato entre os pneus e a superfície da estrada.

Quando ambos os pneus estão inclinados negativamente, eles se empurram uns contra os outros, o que é bom, desde que ambos os pneus estejam em contato com a superfície da estrada. Quando um pneu perde a aderência, o outro pneu já não tem uma força oposta aplicada a ele e, como resultado, o veículo é empurrado para a roda sem tração.

Zero de cambagem resultará em um desgaste de pneu mais uniforme ao longo do tempo, mas pode roubar o desempenho durante as curvas. Em última análise, a cambagem ideal dependerá do seu estilo de condução e condições em que o veículo está sendo conduzido.

Embora o pensamento convencional possa levar a acreditar que a roda é perfeitamente perpendicular à estrada em que se senta, muitas vezes é intencionalmente inclinada ligeiramente para contrariar as forças que lhe são transmitidas nas curvas.

Cambagem

Esse é um exemplo exagerado de cambagem em um veículo. (Foto: Car Throttle)

Como funciona a cambagem de pneus?

A cambagem negativa é a característica geralmente desejada na condução para desempenho como, por exemplo, em corridas. Quando usamos o termo, estamos nos referindo a cambagem negativa estática. Ou seja, a roda e o pneu devem exibir alguma curvatura negativa enquanto estão parados. Quando você se afunda em uma curva, as leis da física colocam você, as rodas e os pneus empurrados para o lado de fora da curva.

Quando as rodas e os pneus são empurrados para fora e o corpo do carro rola, a zona de contato ou a área do pneu que entra em contato com a superfície da estrada diminui significativamente à medida que rola sobre a curva.

A curvatura negativa é implementada de modo que, quando o carro estiver fazendo a curva e a roda rodando e obtendo curvatura positiva, a cambagem deve corrigir qualquer efeito que a inclinação e a carga lateral tenham na roda e no pneu; resultando em um pneu quase nivelado e a melhor zona de contato possível.

Simplificando, a cambagem negativa ajuda a neutralizar a tendência natural de um pneu rodar na sua área mais externa enquanto fazendo curvas, mantendo a zona de contato diretamente na estrada, enquanto as curvas permitem maior aderência e velocidades de curva mais altas.

Existem algumas razões pelas quais o seu carro provavelmente não sai da concessionária com a melhor cambagem. O excesso de cambagem negativa faz com que o carro siga os contornos ou imperfeições na estrada, e também ter uma sensibilidade excessiva à certos aspectos da estrada. Também não é muito amigável para os pneus, fazendo com que eles se desgastem a uma taxa significativamente maior. Como regra geral, um carro cujo o único propósito é o deslocamento deve ter um mínimo de cambagem negativa, a menos que você não se importe em substituir os pneus regularmente.

A desvantagem com a adição de cambagem negativa é que muitas vezes reduz a curva inicial do carro um pouco. A cambagem estática negativa coloca uma percentagem menor da carcaça do pneu na estrada quando se desloca em linha reta e consequentemente, quando o pneu não for encostado completamente na entrada de curvas, por exemplo, pode haver uma sensação de diminuição da aderência até que o carro esteja dentro da curva e a zona de contato seja ampliada..

Como fazer cambagem dos pneus?

Para fazer ajustes em um carro de suspensão MacPherson, adicionar placas de cambagem é uma maneira segura, fácil e econômica de fazê-lo. As placas de cambagem usam uma montagem superior ajustável que desloca o suporte de choque superior para uma placa de retenção que desliza lateralmente em uma trilha ranhurada. Como o suporte se liga diretamente ao cubo da roda, é possível ajustar a cambagem da montagem superior. Basta deslizar o ajustador em direção ao centro do carro para aumento de cambagem ou para fora para menos.

Esta é uma abordagem atrativa para ajustar a cambagem, especialmente se você quer fazer seus próprios ajustes no veículo. A adição de placas de cambagem também melhoram a aparência do compartimento do seu motor.

Os parafusos de cambagem são outra forma econômica de ajustar a cambagem facilmente. Os parafusos de cambagem também são chamados de “parafusos de impacto” porque eles são usados ​​para alinhar carros que foram danificados em um acidente. Devido ao seu design, eles são mais finos do que os parafusos padrão e podem ser mais fracos. Por esse motivo, é importante certificar-se de que os parafusos de cambagem são de alta qualidade e provêm de um fabricante respeitável.

Para carros com uma configuração diferente de suspensão, este sistema não controla diretamente a cambagem. Para mudar a cambagem nos carros com essas configurações diferentes de suspensão, uma das duas coisas precisa acontecer. Um, os pontos de montagem de um braço de controle precisam ser movidos; Isso geralmente é realizado em suspensões de fábrica girando um parafuso excêntrico que carrega os pontos de montagem do braço para o chassis. Ou dois, o comprimento de um (ou ambos) dos braços de controle precisa ser alterado. Seja avisado que alterar o comprimento de qualquer dos braços de controle significativamente afetará o ganho de cambagem durante a suspensão, além da cambagem estática.

Se o carro em questão não possuir um braço de controle superior ajustável ou um braço de controle superior montado fornecido na fábrica, nem há um braço de controle superior ajustável do mercado de reposição, às vezes os calços podem ser usados ​​atrás do ponto de montagem do braço de controle para o chassi para ajustar a cambagem. Isto é frequentemente o caso em veículos mais antigos.

Por que é importante a cambagem do pneu?

O alinhamento inadequado das rodas ou pneus pode causar desgaste de pneus de forma desigual e prematura. No caso da cambagem, o desgasta causado por ela significa que os pneus terão um desgaste maior na zona de contato interna ou externa.

Quando fazer a cambagem?

Se você estiver experimentando algum um padrão de desgaste incomum nos pneus, você deve ter um técnico para verificar o seu alinhamento. Embora a prevenção do desgaste dos pneus seja uma boa razão para manter o alinhamento da roda sob controle, as consequências do desalinhamento também podem influenciar no desempenho geral do veículo. Um carro que puxa para um lado ou dirige erraticamente, por exemplo, provavelmente tem um problema de alinhamento.

Cuidados com a cambagem

Os veículos são projetados com as configurações do fabricante por um motivo. Inúmeras horas de pesquisa e desenvolvimento vão para a concepção de componentes de suspensão e, normalmente, esses números são os melhores. A tentativa de diferir da norma pode resultar em condições perigosas, especialmente para veículos de uso pessoal.

Para quem está buscando personalizar um veículo, suas necessidades e desejos podem ser diferentes da norma. Neste caso, certifique-se de ter cautela ao modificar sua suspensão e consultar profissionais antes de quaisquer modificações importantes. Tenha em mente os diferentes resultados que podem ser causados pela cambagem dos pneus, e tome cuidado!

Já fez a cambagem dos pneus? Qual a configuração que você prefere?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)