Pneu que não fura e nunca precisa calibrar

Escrito na categoria "Acessórios e opcionais" por André M. Coelho.

Todo mundo já passou por uma situação chata devido à um pneu furado. Às vezes, por causa de uma bobeira (um caco de vidro, um prego, etc) ou devido aos buracos que surgem constantemente nas vias brasileiras.

Porém, num futuro próximo, esse problema está prestes a acabar. Com o avanço tecnológico, a grande fabricante de pneus Bridgestone desenvolveu um pneu que não precisa calibrar e não fura.

O “novo” pneu possui o interior constituído de um tipo de resina termostática que é flexível e se estende ao longo do pneu, o que faz com que todo o peso do veículo seja suportado sem a necessidade de calibragem. Conseqüentemente, menos manutenção periódica e mais segurança pois muitas pessoas não têm o costume de calibrar constantemente, o que torna um fator de risco para acidentes.

Pneu que não fura e não precisa calibrar

Pneu Bridgestone que não fura e não precisa calibrar

A tecnologia usada na criação do pneu é a mesma utilizada nas naves espaciais da Nasa e garante o mesmo nível de absorção de choque, resistência, estabilidade e força que os pneus comuns preenchidos por ar.

Além de não precisar calibrar, ele também resiste à furos causados por pregos e cacos de vidros. E seguindo a tendência mundial, empresas ecologicamente corretas, o produto é feito de material 100% reciclável (borracha e plástico) podendo assim, ser descartado no lixo comum e reaproveitado. As pessoas, os ativistas, a indústria e a natureza agradecem.

Pelo que parece, o novo pneu da Bridgestone só tem pontos positivos. Um sonho que pode virar realidade, pelo menos para nós. Porque, para os borracheiros será um pesadelo.

Ainda não há previsão de lançamento e, quando for disponibilizado, com certeza virá com um preço um pouco salgado. Mas mesmo assim, acessível já que outros pneus desse tipo foram desenvolvidos mas não chegaram a ser comercializados devido ao alto custo de produção.

E já que o assunto é pneu, aprenda a ver a data de validade do pneu do seu carro. Assim, você estará um pouco mais seguro ao dirigir.

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

O pai de André já teve alguns carros clássicos antes de falecer, como Diplomata, Chevette e Opala. Após completar 18 anos, tirou carteira de moto e carro, comprando então sua primeira moto, uma Honda Sahara 350. Fez um curso de mecânica de motos para começar uma restauração na moto, e acabou aprendendo também como consertar alguns problemas de carros. Seu primeiro carro foi uma Nissan Grand Livina de 2014 e pretende em breve comprar uma picape diesel. No caminho, vai compartilhando tudo que aprende no site Carro de Garagem.

Deixe um comentário