A suposição comum é que o conjunto 4×4 tem quatro rodas que são movidas ao mesmo tempo. No entanto, isto não é necessariamente verdade. Quando um veículo vai fazer uma curva, o diferencial no eixo compensa o fato de que a roda do lado de fora viaja mais do que a interior. Assim, ela permite um diferencial de velocidade existir entre as duas rodas.

Sendo um dispositivo mecânico, o diferencial cumpre as leis da física, que estabelecem que a energia sempre toma a rota mais fácil. Assim, se uma das rodas está numa superfície escorregadia (como gelo), em seguida, toda a energia vai ser enviada para aquela roda e para longe da roda de tração. O resultado final é que você perde todo o movimento para frente.

Quando o modo de quatro rodas de movimentação é ativado, os eixos dianteiro e traseiro são travados em conjunto, de forma que pelo menos uma roda em cada eixo pode ser accionados pelo motor de forma eficaz.

Você pode forçar um veículo 4×2 agir de forma semelhante a um 4×4 na ocasião, pressionando suavemente o pedal de freio para desacelerar a roda que está girando e transferir energia para a roda com tração.

Tração 4x4

Um carro 4×4 tem mais aderência em terrenos acidentados e irregulares do que um carro com tração 4×2 (Foto: bbtraining.com.au)

Vamos explicar abaixo um pouco de cada tipo de tração:

4 x 4 (4WD) - Descreve um veículo que tem tração nas quatro rodas. O primeiro valor é o número de rodas. O segundo é o número de rodas motorizadas.

4 x 2 (2WD) - Refere-se a um veículo com quatro rodas e tração em duas delas. O primeiro valor é o número de rodas. O segundo é o número de rodas motorizadas. Com um 4×2, a potência do motor é transmitida a apenas duas rodas, podendo ser o par de rodas dianteira (tração dianteira) ou o par traseiro (tração traseira).

4 x 4 parcial (part time 4 WD)- Refere-se a um sistema de tração nas quatro rodas, que opera sob demanda e dirige todas as quatro rodas, bloqueando os eixos dianteiro e traseiro em conjunto através de uma alavanca. Ele geralmente inclui duas faixas de velocidade (Hi e Lo). Sistemas 4 x 4 parciais devem ser operados em modo 4 x 4 em piso seco, já que eles são projetados para serem usados ​​apenas em situações específicas, quando a tração extra é necessária.

4 x 4 tempo integral (full-time 4WD) - Descreve um sistema de tração nas quatro rodas que pode ser operado continuamente em todas as superfícies. Um sistema de tempo integral de quatro rodas motrizes pode incluir a opção de tempo parcial de operação (o que lhe permite mudar para 2WD em superfícies secas, por exemplo), e podem ou não ter faixas de velocidade Hi ou Lo.

4 x 4 (A4WD) - Este tipo de sistema de transmissão engata automaticamente quando necessário. Quando os monitores internos sentem diferenças de velocidade individuais nas rodas, o que indica que um pneu está escorregando, então a tração 4×4 é automaticamente acionada.

Mudança em movimento ou “Shift on the Fly” - Este tipo de sistema permite a mudança manual de tração 4×2 para 4x$ Hi sem precisar de uma parada. A maioria dos sistemas tem um limite de velocidade em que você pode envolver o sistema, normalmente abaixo de 90 km/h.

Tração em todas as rodas ou sistema “All-Wheel Drive” (AWD) - Um único sistema de velocidade em tempo integral projetado para fornecer energia para as quatro rodas. O percentual de entrega de potência dianteira/traseira varia de sistema para sistema.

E aí pessoal? ficou mais alguma dúvida? Não deixem de perguntar nos comentários!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)